25.5 C
Vitória
sexta-feira, 19 abril 2024

Judoca Ketleyn Quadros cai nas oitavas de final em Doha

Judoca Ketleyn Quadros cai nas oitavas de final do Mundial de Doha - Foto: © Di Feliciantonio Emanuele/IFJ/Direitos Reservados
Judoca Ketleyn Quadros cai nas oitavas de final do Mundial de Doha - Foto: © Di Feliciantonio Emanuele/IFJ/Direitos Reservados

Na mesma categoria, o Brasil também contou com Gabriella Mantena, que também fez duas lutas, com uma vitória e um revés

O Brasil segue com dificuldades no Mundial de Judô de Doha, disputado no Catar, desde domingo. Nesta quarta-feira, mais uma vez a equipe brasileira não conseguiu alcançar as finais das categorias, com quatro judocas em ação. A maior expectativa recaía sobre a experiente Ketleyn Quadros, eliminada nas oitavas de final.

A atleta de 35 anos, medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim-2008, buscava seu primeiro pódio em Mundiais – seu melhor resultado foi o sétimo lugar, em 2017. Ela obteve uma vitória e uma derrota. Na estreia, buscou a virada no “golden score” sobre a brasileira naturalizada portuguesa Barbara Timo.

Na sequência, ela levou dois waza-ari, que somados se tornam ippon, e foi superada por Laura Fazliu, de Kosovo, nas oitavas de final da categoria até 63kg. Ketleyn era esperança de medalha porque ocupa no momento a quarta colocação do ranking em seu peso.

Na mesma categoria, o Brasil também contou com Gabriella Mantena, que também fez duas lutas, com uma vitória e um revés. Na estreia, ela superou a sul-coreana Kim Ji-jeong. E, na sequência, acabou sendo eliminada pela canadense Catherine Beauchemin-Pinard, número dois do ranking e medalhista olímpica de bronze nos Jogos de Tóquio, disputados em 2021.

- Continua após a publicidade -

No masculino, competiram nesta quarta Guilherme Schimidt e Eduardo Yudy, ambos na categoria até 81kg. Yudy superou o casaque Abylaikhan Zhubanazar na primeira rodada por waza-ri. Em seguida, perdeu pela mesma pontuação do canadense François Gauthier-Drapeau.

Schmidt, por sua vez, caiu logo na estreia, apesar de ser o atual número quatro do mundo na categoria. Ele foi derrotado pelo alemão Timo Cavelius por waza-ari.

Com informações Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -