Sucesso na quadra e vitória em Deus

Foto: Reprodução

O jogador de basquete americano Stephen Curry testemunha fé em Jesus e usa sucesso na NBA para glorificar a Deus

Stephen Curry é atualmente um dos atletas em maior destaque na National Basketball Association (NBA), a liga norte-americana de basquete. E chama atenção por suas declarações de fé e reconhecimento da soberania de Deus.

Ao marcar pontos, o armador do Golden State Warriors tem como hábito apontar para cima, num gesto mundialmente conhecido como a atribuição de toda glória a Deus. E essa postura não se limita às quadras, mas é ressaltada nas entrevistas.

“Eu sabia que o Senhor estava me preparando para um palco maior, para representar e ser uma testemunha d’Ele na quadra de basquete. Lembrei-me de minha mãe, me dizendo um dia em Davidson – na minha época de faculdade – que Deus coloca o Seu povo em diferentes áreas da vida para que eles podem alcançar mais pessoas para Ele. Eu tentei usar esse tempo para a Sua glória”, afirmou o atleta ao jornal Charisma News.

Curry é apontado como um dos principais atletas da liga. Com todo o sucesso profissional alcançado, ele acredita que deve se esforçar para desempenhar seu papel ainda melhor, como forma de testemunhar sua fé, e disse à ESPN que quer quebrar recordes do genial Michael Jordan, que fez a carreira pelo Chicago Bulls.

“Deus me deu talento para jogar basquete e viver disso, mas eu ainda tenho que trabalhar duro para melhorar a cada dia. Eu sei que, no grande esquema das coisas, isto é apenas um jogo e isto pode ser tirado de mim a qualquer momento. Mas eu amo o basquete. O esporte me dá a oportunidade de fazer coisas boas para as pessoas e fazer com que olhem para o homem que morreu pelos nossos pecados na cruz. Eu sei que tenho um lugar no céu, esperando por mim e isso foi possível por causa d’Ele. Isso é algo que nenhum prêmio ou troféu terreno poderia jamais superar”, disse Curry à Sociedade dos Atletas Cristãos dos EUA.

O jogador destacou que sua fé em Jesus é o seu norte na jornada da vida: “Eu me lembro como se fosse ontem, o dia que eu entreguei minha vida a Cristo. Eu estava na quarta série, e eu me lembro de ouvir e compreender o Evangelho de Jesus Cristo, andando pelo corredor para dar minha vida a Ele. Meus pais continuaram a estimular a minha fé a partir dali, fazendo com que eu entendesse o valor do compromisso que eu tinha acabado de fazer”, compartilhou, concluindo seu testemunho.
Stephen vs The Game

Em um episódio da série Stephen vs The Game, o atleta revelou detalhes sobre como se tornou cristão, ainda bem jovem.

“Eu senti o chamado, fui até ao altar e entreguei minha vida a Cristo. Isso se tornou o começo da minha jornada pessoal. Eu acho que minha fé se baseia mais no relacionamento pessoal com Deus do que em uma certa tradição religiosa, uma prática religiosa”, contou.

O jogador também é famoso pelo hábito de escrever um versículo bíblico em seu tênis. Com essa atitude, ele procura destacar por quem ele está jogando. Casado e pai de três filhos, ele vai à igreja aos domingos e defende a importância de alimentar o espírito com o que é bom, “contrapondo o que este mundo está despejando sobre nós”.

Veja

*Com informações de Charisma News


Leia mais

“É preciso se alimentar de Deus”, afirma Stephen Curry