24 C
Vitória
sábado, 31 outubro 2020

Jesus no Velho Testamento

Leia também

Anvisa informa que não recebeu pedido de registro formal para vacina russa

Quando a Anvisa revisa todos os documentos técnicos e regulatórios e verifica os dados de segurança e eficácia

STF começa a julgar pedido do PDT para afastar Guedes

"A amplitude do objeto da arguição de descumprimento de preceito fundamental não significa admitir seja qualquer ato", registrou Marco Aurélio

Indicador de incerteza na economia cai para 143,8 pontos em outubro, diz FGV

O componente de Mídia recuou 4,0 pontos, para 126,0 pontos, contribuindo negativamente em 3,5 pontos para a queda do indicador geral no mês

Estudo realizado pela Igreja Cristã Maranata, apresenta de forma cuidadosa, a frequente presença profética de Jesus ao longo do Velho Testamento. Confira!

A Bíblia com suas histórias e personagens é a Palavra da vida e a Palavra viva, que vai além das letras e do que imaginamos! É possível encontrar Jesus em todas as partes das escrituras Sagradas.

Nos últimos três meses, a Igreja Cristã Maranata tem realizado uma série de estudos, que foi divulgado através do programa “Anunciando o Evangelho Eterno”, dentro do quadro Lições do Maanaim, no Youtube, enfatizando como a presença de Jesus é frequente profeticamente no Velho Testamento.

No tabernáculo tem vários tipos de jesus

“Mesmo não sendo mencionado de forma explícita, Jesus está profetizado no Velho Testamento, está presente através de personagens e elementos simbólicos. Já no Novo Testamento o Senhor Jesus está revelado”, declarou o pastor Sérgio Carlos de Souza, que ajudou a elaborar o estudo, junto com outros pastores e professores dos seminários Maanains do Brasil.

Trata-se de um estudo minucioso, complexo e com riqueza de detalhes, elaborado a partir da revelação do Espírito Santo. Deus falava no passado e fala hoje pela palavra, pelos dons e por sinais. Não apenas histórico, a Bíblia é um mistério que vai do Gênesis ao Apocalipse e leva o homem a vida em abundância.

“Jesus é a figura central da Bíblia, aparece como um mistério em símbolos, alegorias e tipologias. Deus está se revelando através da sua palavra e também com sinais e prodígios, bastando para que isso aconteça, que haja um povo disposto a ouvir e obedecer à voz do Senhor”, afirma Gedelti Gueiros, presidente da ICM.

Personagens

O Velho testamento aponta Jesus como homem, profeta, rei, sacerdote, juiz. Segundo o estudo, a repercussão profética de valor é Jesus como homem, que é mostrado através de personagens bíblicos, que foram fiéis e agradaram ao Senhor, e prefiguram Jesus.
Entre vários desses personagens apontados está Sansão, descrito em Juízes 13:3-7. Sua mãe era estéril, seu nascimento foi um milagre, ele cresceu e Deus o abençoou. O Espírito do Senhor conduzia sua vida, enquanto obedeceu.

Outro personagem que prefigurou Jesus foi o Rei Davi. Em 2º Samuel 7:8 diz: ‘eu tomei da malhada detrás das ovelhas, para que fosses o chefe sobre o meu povo, sobre Israel’. Filho de Jessé, Davi era o caçula de uma família de oito irmãos e não era considerado apto a se tornar rei.

No entanto, foi escolhido e ungido para comandar o povo, venceu todas as batalhas e guerras. E como gratidão à Deus, compôs salmos de louvor e já profetizava a respeito de Jesus como Rei da glória.

Assim foi a vida de Jesus, que teve origem no meio do povo de Israel, não tinha nenhuma característica física e aparente que o credenciasse como Rei. O evangelho de João 1:11 diz que Ele foi rejeitado e desprezado: ‘Veio para o que era seu e os seus não receberam’. Assim como Davi, Jesus enfrentou traição, que foi o caso de Judas, mas venceu.

Uma história apresentada no primeiro livro da Bíblia narra sobre a vida de José, um dos maiores exemplos de fidelidade, e mais influente de todo o Velho Testamento. Amado pelo pai, Jacó, e rejeitado e odiado pelos irmãos, o apascentador de ovelhas foi vendido para mercadores do Egito por 20 moedas de prata pelos irmãos e lá se tornou escravo por muitos anos.

Foi preso, sofreu, saiu do cárcere, e aos 30 anos se tornou governador do Egito. Foi o salvador do mundo numa época de seca. Depois chorou e perdoou seus irmãos.

Da mesma forma, Jesus veio ao mundo como homem e bom pastor, conforme está escrito em João 10:11 – ‘Eu sou o bom pastor, que dá a vida pelas ovelhas’. Amado por Deus Pai, inicia seu ministério aos 30 anos, foi rejeitado por Israel, vendido por 30 moedas de prata.
Assim como José, Jesus sofreu, foi preso, mas morreu, ressuscitou para ficar à destra do Pai, Salvador do homem e perdoou. ‘Pai, perdoa-lhes porque não sabem o que fazem’ (Lucas 23:34).

Elementos simbólicos

Além dos personagens, há também diversos símbolos que testificam Jesus no Velho Testamento. A presença de Jesus está presente na história de Davi. Em sua primeira luta ele enfrentou um leão, que representa o adversário. No início de seu ministério, após passar 40 dias de jejum no deserto, Jesus enfrentou e venceu a tentação através da Palavra de Deus, na confiança plena em Deus Pai. “Quando o homem cai da fé, ele se prostra perante o adversário”, afirma o pastor Daniel Moreira, que também participou da elaboração do estudo.

A segunda batalha de Davi foi contra o urso, que representa a traição. Outra simbologia de Jesus. Davi segurou o animal pela barba, lutou contra ele e o matou. Ou seja, a grande batalha de Jesus foi contra os religiosos da sua própria nação. As mesmas pessoas que gritavam ‘Bendito o Rei de Israel, que veio em nome do Senhor’, também pediram a morte de Jesus. Lembra do beijo de Judas?

Ele enfrentou a traição e venceu. A terceira batalha de Davi foi quando enfrentou o gigante Golias. Ele pegou cinco pedras guardadas em seu alforje, usou uma delas e matou o gigante. A pedra, segundo o estudo, mostra os recursos da graça de Deus, que é a bênção do Espírito Santo. Golias representa o pecado, a soberba do homem. Jesus como homem também enfrentou isso, e novamente venceu.

Pastor Gedelti Gueiros, presidente da ICM e diretor do Programa Anunciando o Evangelho Eterno

Quando os irmãos de José foram ao Egito em busca de água e comida e não sabiam que o irmão que haviam vendido era o governador, que por sua vez, os abasteceu com mantimentos, um elemento chama atenção nessa história, conforme relatado em Gênesis 44:5. É que José mandou que enchessem as sacolas dos irmãos com alimentos, mas na de Benjamim, pediu ao servo que colocasse um copo de prata. Então, durante a viagem, os irmãos foram indagados sobre o objetivo.

“O copo é a experiência do Espírito Santo na vida do homem e a prata, o símbolo do preço que Jesus pagou por nós quando derramou seu sangue na cruz. Aquele copo era usado por José para beber vinho, para se alegrar. Para o homem participar da alegria da salvação, ele precisa de redenção, que é a prata. Então, o copo de prata é o penhor da salvação, é beber da bênção que o Rei Jesus põe à disposição do homem”, diz um trecho do estudo.

A Bíblia relata, em Gênesis, que durante muitos anos Israel foi escravo no Egito, mas Deus usou Moisés para libertar o povo da escravidão. No trajeto da jornada do povo hebreu até a terra prometida, Canaã, durante 40 anos, o Senhor orientou para que se fizesse o Tabernáculo – uma espécie de templo móvel.

“Todas as características, dimensões, materiais usados para a construção do altar dos holocaustos foram revelados por Deus”, descreve o estudo. No templo, a manifestação de Deus era feita para que o povo entendesse que era importante conhecer a graça, a misericórdia e o juízo de Deus.

Um lugar para a glória de Deus habitar. “O tabernáculo é um convite para entrarmos pela sua porta, percorrermos o caminho aberto pelo Senhor Jesus pelo seu sacrifício”, esclarece o pastor Sérgio. Diversas outras figuras que compunham o tabernáculo também prefiguram Jesus. Desde a cerca de linho branco, que delimitava a área do templo, as colunas e demais materiais, há apresentação profética do Senhor Jesus como salvador, juiz, profeta, o único de receber adoração.

Pastor Daniel Moreira

Redenção do homem

Deus usa personagens e simbologias diferentes nas Sagradas Escrituras para confirmar o projeto de Deus para todo ser humano. Ele construiu a história bíblica com a participação do homem porque ele é o centro de Sua preocupação em toda criação.

“Isso tudo é para mostrar que a Bíblia é única. O Velho Testamento foi de fato para o povo de Israel, mas ele apresenta a perfeição do projeto de redenção de Deus a favor da vida do ser humano, através de Jesus desde o início, quando o homem pecou. Por sua vez, quando mostramos a perfeição de Deus, a fé se solidifica”, testifica o pastor Sérgio.

Isso também reforça o cuidado do Criador em todos os aspectos com sua criação, principalmente seu amor pelo homem. “Ele não precisa do esforço do homem para nada. Tudo o que Ele quer é a obediência”, complementou.

O que simplesmente Deus oferece ao homem é a salvação, que é uma mudança completa de vida. E a Bíblia aponta o caminho da salvação, que é Jesus, como diz em Isaías 30:21: ‘Este é o caminho, andai nele’.

Pastor Sérgio Carlos de Souza

“Esse é o desejo de Deus, que todas as pessoas aceitem o plano de salvação, que é pela graça e não pelas obras, e tenha a vida eterna. Agora, aceitá-la e permanecer
no caminho requer conhecer e viver a doutrina”, confirma o pastor Daniel.

Jesus morreu na cruz, ressuscitou, assumiu o trono no céu como Rei da glória e passa o governo da igreja para o Espírito Santo, que nada mais é que a transformação do homem.
“O Espírito Santo traz ao coração a verdadeira paz, mas é preciso reconhecer que Deus está vivo, nascer de novo. Diz a Bíblia que ‘Se alguém está em Cristo, nova criatura é: as coisas velhas já se passaram, eis que tudo se fez novo’ (2ª Coríntios 5:17). Jesus é a salvação, é quem vai perdoar e abençoar”, concluiu Daniel.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Rede de apoio espiritual para vestibulandos

Iniciativa é do Congresso de Jovens Universitários para ajudar vestibulandos em oração e apoio. Integre-se a rede! Saiba mais!

Conheça “Vem descansar”, de Central 3

Canção é a primeira do novo EP da Central 3

Culto vai celebrar os 48 anos do Hospital Evangélico

Por conta da pandemia, culto de ação de graças será em formato drive-in, em Vila Velha (ES). 

Por “defender a verdade” bispo é punido, mas renuncia

Ao ser punido pela direção da igreja Episcopal em Nova York, nos EUA por defender o casamento entre homem e mulher, bispo é punido por "violar a disciplina da igreja"

Larissa e Isabela e Mariana Valadão cantam o amor

Baseada no amor cristão, música é o quarto lançamento de Larissa e Isabela pela Sony

Alfinetada de Pompeo à China: “ameça a liberdade religiosa”

Durante viagem asiática nesta quinta-feira, 29, chefe da diplomacia norte-americana, Mike Pompeo, fez novo ataque à China. Saiba mai!

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Culto vai celebrar os 48 anos do Hospital Evangélico

Por conta da pandemia, culto de ação de graças será em formato drive-in, em Vila Velha (ES). 

Semana dos manuscritos do Mar Morto; Saiba mais!

Arqueólogos e especialistas vão apresentar um dos mais impactantes achados da humanidade, na semana dos manuscritos do Mar Morto. Evento, que começa nesta segunda,19, é gratuito!

Live Solidária “Um Com Eles” em Libras

A live solidária, realizada pela Portas Abertas, será transmitida pelo Facebook, e estará acessível a todos que entendem a língua brasileira de sinais. Saiba mais!

Desafio Superação em corrida virtual; É neste domingo, 18

Em alusão ao Outubro Rosa, o Desafio Superação vai mobilizar mulheres cristãs de todo o Brasil em prol da saúde. Saiba mais!
- Publicidade -

Plugue-se

Larissa e Isabela e Mariana Valadão cantam o amor

Baseada no amor cristão, música é o quarto lançamento de Larissa e Isabela pela Sony

Nova fase da Academia da Bíblia SBB

Com novos cursos, o projeto de capacitação bíblica da SBB deseja auxiliar o cristão no estudo aprofundado da Palavra de Deus. Saiba mais!

Quando Deus é a fonte do equilíbrio em campo e da força emocional

Sucesso na Liga dos Campeões da Europa, o goleiro Keylor Navas, 33 anos, dirige estudos bíblicos com um grupo de 10 pessoas em Paris.

Clovis Pinho, o que vem por aí?

Novo single de Clovis Pinho deve chegar ao mercado em novembro. Saiba mais!