Super tufão Hagibis deixa dezenas de mortos no Japão

(Foto: Kyodo/Reuters/direitos reservados)
(Foto: Kyodo/Reuters/direitos reservados)

O super tufão Hagibis atingiu a capital japonesa com ventos de até 200 quilômetros por hora segundo a Agência Meteorológica do Japão

No último sábado a capital japonesa foi atingida com ventos de até 200 quilômetros por hora. De acordo com a Agência Meteorológica do Japão, o super tufão Hagibis tocou a terra um pouco antes das 19 horas.

Pelo menos 49 pessoas morreram, 204 ficaram feridas e outras 14 estão desaparecidas. Assim, inúmeras inundações e danos materiais atingem o país após o fenômeno climático.

Neste domingo, a rede de televisão pública “NHK” exibiu imagens de dramáticos resgates com o uso de helicóptero e barcos em áreas residenciais inundadas após rios transbordarem.

Dessa forma, o governo japonês mobilizou 27 mil membros das Forças de Autodefesa para os trabalhos de socorro. Além disso, as chuvas torrenciais fizeram transbordar o rio Chikuma, afetando várias cidades e províncias como Negano.

Juntamente a enchente no rio Akiyama, na cidade de Sano, Tochigi, afetou uma área residencial. Assim, equipes de resgate e soldados foram socorrer a região.

Ainda mais, na cidade japonesa de Kawagoe, o rio Ope deixou cerca de 260 pessoas presas em um lar de idosos. Assim, o rio Tama em Tóquio, excedeu o limite inundando o térreo de vários edifícios e também um hospital.

Mais de sete milhões de pessoas foram aconselhadas a deixar as suas casas, tendo dezenas de milhares sido acolhidas em centros de abrigo.

*Da redação, com informação das Agências