23 C
Vitória
quarta-feira, 14 abril 2021

Irmão Lázaro morre vítima de complicações da Covid-19

O enterro acontece hoje, em Salvador, em cerimônia restrita à família.

Devido a complicações causadas pela Covid-19, o vereador e cantor gospel, ex-integrante do grupo Olodum, Irmão Lázaro (PL), de 54 anos, morreu nesta sexta-feira. O último boletim médico divulgado informava que o quadro dele era muito delicado com necessidade de muitos cuidados. Lázaro estava internado há quase um mês na UTI de um hospital em Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador.

O corpo do vereador Irmão Lázaro será enterrado neste sábado na capital baiana. De acordo com a assessoria do cantor gospel, o sepultamento será restrito à família. No entanto, ainda não há informações sobre o local e horário.

A filha de Irmão Lázaro, Marta Silva, fez uma postagem se despedindo do seu pai. No texto, ela classifica o pai como um homem bondoso, honesto e como seu melhor amigo. “O meu maior alívio é saber que ele está ao lado de Deus e que o céu está em festa nesse momento. Ele foi o meu maior exemplo de fé, meu melhor amigo, meu pastor, meu confidente, meu cantor favorito”.

Irmão Lázaro foi eleito vereador em 2020 com 4.273 votos. Ele foi deputado federal entre 2015 e 2018, ano que concorreu a uma vaga no Senado, mas não ganhou. O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) lamentou a morte de Lázaro. Em um texto publicado no Telegram, ele pediu a Deus que confortasse o coração de quem perdeu entes queridos para a Covid-19. “Recebo com profundo pesar a notícia da morte do cantor, Irmão Lázaro. Que Deus o receba de braços abertos e conforte o coração de familiares e amigos, bem como todos aqueles que perderam seus entes queridos nessa luta contra a Covid-19 em nosso país e no mundo”.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se