A que ponto chega a intolerância religiosa!

Com o ataque, instrumentos da igreja foram destruídos. Foto: Instagram

Em Santa Maria Sul, no Distrito Federal, um templo da Igreja Sara Nossa Terra, foi depredado. O bispo Rodovalho respondeu ao ataque como intolerância religiosa: “Isso é inadmissível”

A Igreja Sara Nossa Terra, em Santa maria, Brasília (DF) foi depredada. O incidente aconteceu na última sexta-feira (22). Segundo matéria divulgada no Correio Braziliense, vândalos entraram na igreja e rasgaram bíblias e quebraram vários instrumentos musicais.

Além disso, os criminosos deixaram bebidas alcoólicas abertas no local e ainda urinaram no altar. Mesmo com a ataque, o culto que aconteceria no mesmo dia foi mantido.

O deputado distrital Rodrigo Delmasso (Republicanos), membro da igreja, se mostrou indignado com o que aconteceu. “Esse tipo de ação é repugnante, os responsáveis devem ser punidos a rigor da lei”, defendeu.
Intolerância religiosa
Parte do altar da igreja foi depredado. Foto: Instagram

Em sua conta no Instagram, o bispo Robson Rodovalho, líder da Sara Nossa Terra, postou um vídeo que mostra o estragado causado na igreja. (veja abaixo).

“Não é com violência que expressamos nossas discordâncias. Estamos em um país democrático, e se exige essa liberdade!

Fica aqui o nosso protesto e indignação pelo vandalismo na nossa igreja”, declarou o bispo.

O bispo chamou o ataque de “intolerância religiosa”. E complementou: “Isso é inadmissível!”. Ele lamentou a tragédia dizendo que a igreja é “apaixonada por cumprir o propósito, levar a palavra de Deus e tirar vidas do inferno, reestruturar famílias, jovens das drogas, jovens do crime e muito mais”.

Mas afirmou que mesmo com a depredação, a igreja vai continuar pregando o evangelho. “Isso não vai nos parar! Temos uma missão em Brasília que é sarar nosso estado, multiplicar as igrejas e levar a palavra de Deus a todos que não o conhecem!”

Veja o vídeo

 

Ver essa foto no Instagram

 

#repost @priscilarodovalhocunha ——- INTOLERÂNCIA RELIGIOSA – Isso é inadmissível! Entraram hoje numa igreja nossa em Santa Maria Sul, uma igreja apaixonada por cumprir o propósito e levar a palavra de Deus e tirar vidas do inferno, reestruturar famílias, jovens das drogas, jovens do crime e muito mais. Cada utensílio da igreja é comprado com dinheiro de dízimo e oferta dos fiéis e daí vem um bando de marginal e depreda tudo, faz o que quer! Só digo uma coisa, isso não vai nos parar! Temos uma missão em Brasília que é sarar nosso estado, multiplicar as igrejas e levar a palavra de Deus a todos que não o conhecem! #nenhumpassoatras @sntoficial

Uma publicação compartilhada por Robson Rodovalho (@bprodovalho) em


leia mais

Não à intolerância religiosa e a discriminação
São Paulo: Lei reforça o combate à intolerância religiosa