27.4 C
Vitória
sexta-feira, 18 setembro 2020

África: fechamento de igrejas provoca debate sobre dízimo

Leia também

MEC promete protocolo e R$ 525 milhões para retorno às aulas presenciais

O ministro afirmou que a decisão sobre data para reabrir escolas não é do MEC, mas de Estados e municípios

Bolsonaro volta a estimular Renda Brasil

O governo também não quis deixar um vácuo aberto para os congressistas, que já têm projetos para reforçar o Bolsa Família

STF define julgamento de garantia a negros

A medida assinada por Lewandowski, em caráter liminar, determina apenas a repartição dos recursos e do tempo da propaganda de forma proporcional entre concorrentes brancos e negros

Uma situação difícil que alimenta um debate difícil. No entanto, os cristãos a orar para que os líderes da igreja hajam com sabedoria e compaixão. Saiba mais!

Na África, medidas de saúde, incluindo o fechamento de locais de culto de diferentes religiões, às vezes encontram oposição de pastores e padres que vêem a contribuição dos fiéis diminuir drasticamente.

A preocupação vem da falta de apoio às obras missionárias e aos mais pobres. Para os outros, é uma perda de ganhos que gera oposição às medidas restritivas.

Difícil Debate 

Assim, o pastor Victor Wafula, observando a deserção de sua igreja Kibera no Reino Unido em Nairóbi, enfatizou a importância de seus fiéis continuarem pagando o dízimo durante uma pandemia.

“Deveríamos nos preocupar como pregadores quando as pessoas não vêm mais à Igreja por medo do COVID-19”, disse ele de cima da mesa. “Hoje as cadeiras estão vazias e não teremos ofertas nem dízimos. Como vamos sobreviver?”

Esse apelo a uma comunidade que vive na maior parte de uma das maiores favelas de Nairóbi foi seguido por outra liminar no Facebook, pedindo-lhes que honrassem com as finanças, apesar da pandemia. “Se dermos nossas ofertas, Deus pode realmente acabar com esse vírus”, acrescentou o pastor Wafula.

Essa preocupação com um déficit também levou a vários atos de desobediência civil. Segundo a Agência de Imprensa do Benin, dois padres e dois pastores foram presos e convocados em 6 de abril em Pobé por não cumprimento das medidas governamentais.

Esse tipo de desvio problemático não deve, no entanto, ocultar a preocupação real das igrejas que precisam de recursos para atender às muitas necessidades, especialmente para a assistência prestada aos mais pobres. O bispo Daniel Chemon, das Igrejas do Evangelho Pleno no Quênia, observa essa queda significativa nas ofertas após as medidas tomadas para combater o COVID-19. “Isso levou a uma queda drástica nas ofertas coletadas pelas igrejas em nosso condado. Nós devemos orar pelo nosso país.”

Uma situação difícil que alimenta um debate espinhoso e deve levar os cristãos a orar para que os líderes da igreja ajam com sabedoria e compaixão.

Da Redação, com informações da Evangéliques.info / Christianity Today / Agence Presse. 
- Publicidade -

Matérias relacionadas

Após 50 anos, pastor Charles Stanley deixa o cargo

Antigo pregador da Primeira Igreja Batista de Atlanta, nos EUA, pastor Charles Stanley, 87 anos, se aposentou do cargo que atuou por 50 anos. Saiba mais!

Dívidas igrejas e templos! Bolsonaro veta perdão

Texto do projeto de lei foi aprovado com vetos e foi publicado no Diário Oficial da União desta segunda (14/9). Saiba mais!

A igreja deve se posicionar sobre as eleições?

A FAVOR Se a natureza institucional da igreja tem correlação direta com o exercício da cidadania, pois a mesma se constitui de cidadãos, parece-nos razoável...

Igreja no combate a incêndios no Pantanal

Mais de duas toneladas de alimentos arrecadados já foram distribuídas para as famílias que moram na região atingida pelo incêndio no Pantanal. Saiba mais!

Igreja omissa, incompetente e conivente

A conivência emerge exatamente de a igreja conviver com casos reais de violência doméstica, em sua grande maioria cometida contra mulheres

Câmara perdoa dívidas de R$ 1 bilhão de igrejas

Bolsonaro, que já se posicionou contra taxas pagas pelos templos, tem até 11 de setembro para sancionar ou vetar a medida.

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Arte da Graça em casa; Conscientização do setembro amarelo

Em formato online, o evento une shows e workshops incentivando a tolerância, paz e música. Saiba mais!

Aquecimento Sepal 2020, com Edméia Williams e Rodrigo Gomes

Transmissão acontecerá nesta segunda-feira, 14 de setembro, às 19 horas. Saiba como participar!

Encontro nacional Renas: “Ser criança em tempos de incerteza”

É a 13ª edição do Encontro Nacional da Rede Evangélica Nacional de Ação Social (Renas). Evento, que acontece em outubro, será online. Saiba mais!

Jornada Agentes de transformação online; Saiba mais!

Realizado pelo grupo Valorem, organização que reúne empreendedores cristãos para servir o reino de Deus através de negócios, a Jornada Agentes de transformação, acontece dias 11 e 12 de setembro.
- Publicidade -

Plugue-se

Ajude um cego a ler a Bíblia e ter a vida transformada

A iniciativa quer distribuir a Bíblia para cegos em todo o Brasil e promover a acessibilidade para pessoas com deficiência visual. Saiba mais!

Amanda Loyola, floresce uma potência vocal do gospel

Artista capixaba, que ficou conhecida ao participar do quadro Jovens Talentos, do Programa Raul Gil, já lançou três canções pela Sony.

Luciano Camargo reverencia o gospel em trabalho solo inédito

Com 29 anos de carreira ao lado irmão, Zezé de Camargo, Luciano Camargo acaba de lançar 15 músicas dedicadas ao gospel. O álbum "A Ti entrego". Saiba mais!

“Compostagem” é o novo EP do rapper Felipe Vilela

O projeto conta com três faixas, entre elas a canção “Reluzir”, que traz a participação de Eli Soares O rapper Felipe Vilela acaba de apresentar...