21 C
Vitória
quarta-feira, 23 setembro 2020

Igreja ou ponto de encontro?!?

Leia também

Ainda não foi definida data para ‘follow on’ da BR Distribuidora, diz Petrobras

A venda das ações foi aprovada pelo Conselho de Administração em 26 de agosto, mas que a efetivação depende de diversos fatores

Em depoimento à corregedoria, Flordelis se emociona

Cabe ao plenário, no entanto, decidir se a acusação de assassinato é ou não motivo para perda do mandato de deputada

Especialistas e produtores se unem contra política ambiental do governo no STF

Camargo Neto afirmou que "infelizmente" foi preciso uma pressão externa para o Brasil colocar foco na preservação da Amazônia

Considerando a dinâmica que tenho notado na vida eclesiástica em minhas viagens pelo país nos últimos tempos, penso que estamos vivendo hoje um momento que requer profunda reflexão sobre a natureza e a missão da Igreja. Se consultássemos membros comuns das congregações sobre o significado do domingo, do culto, da ceia, a relevância do que é ser parte desse corpo e o próprio significado da Igreja e seu papel no mundo contemporâneo, quais respostas será que poderíamos obter? Ao longo do tempo, aprendemos a reduzir “igreja” ao conceito geográfico de um lugar, dando-lhe um sentido sacramental e sacralizado, como se Cristo tivesse morrido e ressuscitado por tijolos, móveis e equipamentos. Mas, afinal, o que significa “igreja” hoje para um membro ou frequentante? É um ponto de encontro de final de semana? Ocasião em que é possível mostrar nossos carros limpos, roupa nova, o mais novo tablet que adquirimos, ou um lugar em que podemos pedir ajuda a algum médico membro da igreja ou mesmo encontrar alguém para ver como dar jeito em nosso desemprego ou ainda em nosso computador que anda com vírus. Igreja pode ser também um ponto de entretenimento,onde temos boa música (e até com aplausos depois dos fortes acordes finais dos cânticos). Também pode

ser um lugar onde é possível ouvir um bom pregador que até consegue trabalhar com as palavras dando um toque de desafio e carga em nossas baterias pessoais para a gente aguentar a semana ou mesmo levantando temas interessantes. Mas, nessa concepção de igreja, onde é possível encontrar a comunhão entre os irmãos que ultrapassa a presença física e coletiva num templo? Comunhão que se revela pela dependência entre os irmãos, pelo interesse e sensibilidade à vida de cada um e entre todos os

membros da igreja. Muitas vezes nos encontramos no final de semana no templo apenas para trabalho e mais trabalho, um ocupacionismo sem fim em que trabalhamos tanto para a obra de Deus que poderemos estar nos esquecendo do Deus da obra. O trabalho pode se tornar em fim em si mesmo. O domingo, dia de celebração, se torna em dia de agitação, dia de descanso que se torna em dia de cansaço. No final do domingo, não é raro ver os membros irmãos se despedindo apenas desejando uma boa semana, sem haver a real preocupação com a vida. E, assim, cada um tenta sobreviver aos embates da semana como pode, sem, muitas vezes, o amparo de outros irmãos na fé, em oração, comunhão e atenção. Devemos desejar uma igreja em que o final de semana ultrapasse e supere o ponto de encontro, uma igreja viva, criativa, dinâmica, sensível comunidade terapêutica e oportunizadora de convivência e comunhão entre os seus membros e suas famílias, dia a dia como o povo de Deus – o Deus vivo.

Lourenço Stelio Rega é teólogo, eticista e educador. Diretor da Faculdade Teólogica Batista em São Paulo. Mestre e, Teologia e em Educação, Doutor em Ciências da Religião.

A matéria acima é uma republicação da Revista Comunhão. Fatos, comentários e opiniões contidos no texto se referem à época em que a matéria foi escrita. 
- Publicidade -

Matérias relacionadas

Recomeçar: uma necessidade – uma arte – uma decisão

Embora o tempo seja linear os recomeços são inevitáveis. O ponteiro que marca os segundos de um relógio gira recomeçando do zero a cada minuto. Recomeçar, em primeira análise é inevitável

A síndrome do distanciamento vai passar

Creia nisto: ainda há esperança. Você pode apreciar a beleza das flores, sentir seu perfume, voltar-se para Deus, e fazer a diferença em sua vida, e na vida de seu próximo

Conheça o segredo da felicidade

Abrir mão da razão muitas vezes é o caminho para viver feliz, mesmo diante de problemas

Assista o clipe emocionante de “Vida”, de Paulo Freire

Depois de pensar em suicídio, Paulo Freire apresenta a canção como seu primeiro trabalho solo. Assista aqui!

Afinal, o futuro a Deus pertence?

A simplicidade e a leveza de entendimento de um menino mostram a vida como uma viagem e o futuro como uma astronave, de inapelável imprevisibilidade e imparcialidade

Reencontro histórico: Davi Sacer e Trazendo a Arca em “O encontro”

Álbum inédito marca o reencontro histórico de Davi Sacer e Trazendo a Arca dez anos depois. São 30 músicas que fizeram sucesso no mercado de música gospel. Confira!

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Live Elementos Essenciais do Discipulado

Como os Estudos da Bíblia de Discipulado podem ser usados em microgrupos de discipulado entre pessoas recentes na fé. Saiba mais!

Live solidária: artistas em favor da Igreja Perseguida

Denominado de "Seja um com eles", a live solidária é um grito de ajuda a igreja perseguida. Paulo César Baruk, Rebeca Nemer, Eyshila, André Aquino são alguns dos convidados. Saiba mais!

Arte da Graça em casa; Conscientização do setembro amarelo

Em formato online, o evento une shows e workshops incentivando a tolerância, paz e música. Saiba mais!

Aquecimento Sepal 2020, com Edméia Williams e Rodrigo Gomes

Transmissão acontecerá nesta segunda-feira, 14 de setembro, às 19 horas. Saiba como participar!
- Publicidade -

Plugue-se

Qual o segredo para viver feliz?

É possível viver feliz neste mundo confuso e perigoso? Livro mostra como e onde podemos encontrar a ajuda para encontramos com a felicidade.

Vídeos sobre a Bíblia alcançam 1 milhão de pessoas no Tik Tok

Produzidos por Jey Reis, 17 anos, os vídeos diários, que são publicados no Tik Tok, falam sobre Jesus. Saiba mais! !

“Inesquecível”: a história da professora que morreu para salvar crianças

Filme vai contar a história da professora Heley de Abreu, que deu avida para proteger crianças de um incêndio, em Janaúba (MG). Saiba maiws!

Kemuel e Priscilla Alcântara conquistam Platina Triplo

Platina Triplo é uma certificação pelo grande alcance que as canções dos artistas tiveram nas plataformas digitais de música Nesta quinta-feira, 17, Kemuel e Priscilla...