21.4 C
Vitória
quinta-feira, 26 novembro 2020

“Oportunidade de apresentar o evangelho”, diz pastor Franklin Graham

Leia também

Faturamento do setor de máquinas cresce pelo 5º mês seguido, diz Abimaq

Segundo a Abimaq, deve-se ao aumento dos investimentos no Brasil com máquinas e equipamentos fabricados localmente

Força Tarefa vai atrás de arquivos de pedofilia na Deepweb

Black Dolphin, em referência a uma prisão localizada na fronteira com o Casaquistão conhecida por abrigar presos condenados à prisão perpétua

Saúde recebe estudo para ampliar validade de testes

Considerado "padrão ouro", o RT-PCR é um dos exames mais eficazes para diagnosticar a covid-19, além de ser arma poderosa

A declaração do pastor Franklin foi relacionada ao Hospital de campanha na Central Park, em Nova York, EUA, da organização missionária Samaritan´s Purse, para atender pacientes de Covid-19. A instalação será fechada em breve

Dentro de alguns dias, o hospital de emergência criado no Central Park, em Nova York, EUA, devido ao coronavírus, será fechado, quando terminar o tratamento dos últimos pacientes internados. A organização missionária Samaritan’s Purse, que coordena o hospital, anunciou no último sábado (2), que estaria encerrando suas operações.

O hospital de campanha ficou mais de um mês no local. O fechamento é por conta da redução de casos na cidade, que foi o epicentro da pandemia de Covid-19 nos EUA.

A Samaritan’s Purse abriu o hospital de campanha em Nova York dia 1º de abril, depois que funcionários do Sistema de Saúde Mount Sinai procuraram ajuda. No total, foram atendidos mais de 300 pacientes.

Mudanças

Em entrevista à Faithwire, o pastor Franklin Graham, que atua como presidente do Samaritan’s Purse, falou do trabalho realizado pela equipe no local. Segundo ele, o mundo mudou nessas quatro a seis semanas.

“Nunca tivemos uma situação em que o mundo fosse fechado. Nova York nunca se fechou na memória de ninguém. Acho que o que aconteceu é que as pessoas sentem que algo está mudando, e não sabem o que é e as pessoas têm medo”, declarou Graham.

Sobre o funcionamento do hospital de campanha em Nova York, Graham disse que “nos deu a oportunidade de apresentar o Evangelho a pessoas ansiosas para ouvi-lo. Então, sou grato por isso”.

críticas

As instalações do hospital de campanha pela organização missionário gerou algumas críticas no país. Uma delas foi relacionada a comunidade LGBTQ.

“Nós estávamos sendo pressionados pela comunidade gay por causa de nossa declaração de fé, e parte dessa declaração é que uma pessoa tem que dizer que concorda com os princípios bíblicos de um casamento entre um homem e uma mulher. Isso os deixou muito chateados. E a delegação do congresso do estado de Nova York escreveu ao governador querendo que ele investigasse por que estávamos no Central Park”, explicou.

Mesmo com as críticas, o trabalho continuou sendo realizado pela Samaritan’s Purse. “Sentimos que era importante seguir em frente e tratar as pessoas. Nós estávamos lá para salvar vidas e não para discutir com as pessoas. Teremos uma discussão após o término desta pandemia, mas, no momento, temos que salvar vidas e achamos que isso era importante”, afirmou.

Histórias impactantes

Pastor Franklin destacou as várias histórias incríveis que encontrou no atendimento às pessoas. Mas, “as histórias mais impactantes são as pessoas que agradecem quando saem. Algumas delas com lágrimas escorrendo pelo rosto”.

Ele conta que “muitas pessoas disseram que não queriam ir para casa porque se sentiam seguras no hospital de campanha. Para mim, isso é um testemunho para nossa equipe, para o cuidado e o trabalho que eles fizeram, fazendo isso com Jesus Cristo. Eles estão fazendo isso em nome dele.

Profissionais de saúde

Graham testemunha que “nossos médicos e enfermeiros estão seguros. Na cidade de Nova York, ninguém ficou doente. Mas isso não era verdade nos hospitais ao nosso redor. Muitos funcionários ficaram doentes. Tivemos um cuidado maior na forma como tratamos a doença”.

O reverendo disse que toda a instalação e funcionamento do hospital de campanha foi custeado por pessoas solidárias. “Todos os nossos serviços foram pagos pelo povo de Deus”, afirma.

Sobre o impacto do Evangelho ao sair do Central Park, Graham disse que todo mundo na cidade de Nova York conhece o hospital de campanha. “Nós estamos lá em nome de Jesus. É apenas algo que Deus fez e nos deu a oportunidade de ampliar Seu nome no meio de uma crise”, respondeu.

*Com informações de Faithwire 

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Midian Lima e sua primeira canção em espanhol

Um dos grandes sucessos de Midian Lima, "Jó", ganhou uma versão em espanhol. Cantora canta em participação de Arthur Callazans

De desempregado a milionário: “provisão de Deus”

Horas depois de ficar desempregado, um trabalhador do interior do Paraná ganha 1 milhão em um sorteio. Saiba mais!

Saúde recebe estudo para ampliar validade de testes

Considerado "padrão ouro", o RT-PCR é um dos exames mais eficazes para diagnosticar a covid-19, além de ser arma poderosa

Fernandinho e os 16 anos de Ministério pastoral

Uma das maiores referências musicais no mercado gospel, Fernandinho, completou 16 anos de ministério pastoral: "Quero continuar servindo ao meu Deus e à Sua Igreja!", escreveu o cantor

Defender a Bíblia virou motivo para demissão

Após 30 anos como Capelão da Força Aérea dos EUA,  Curt Cizek foi demitido por pregar sobre o pecado da imoralidade sexual, agora luta pela liberdade de expressão. Saiba mais!

Como prosseguir em meio ao luto?

Alba, cristã colombiana, compartilha a dificuldade em realizar coisas cotidianas após a perda do marido por conta da perseguição. Saiba mais!

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Miniconferência on-line: “Fé e Ciência para Corpos e Mentes”

Cientistas cristãos brasileiros respondem questões de fé e ciência para corpos e mentes. Tema será abordado na mini Conferência online. Saiba mais!

Seminário de ciências bíblicas em edição virtual; começa hoje

Realizado há 20 anos pela Sociedade Bíblica do Brasil, evento incentiva o estudo e capacita líderes sobre o uso da Bíblia.

Grandes artistas do Brasil no “BH profetiza”

Realizado pela cantora Camila Campos, O BH profetiza vai reunir diversos cantores, entre eles Weslei Santos, Gai Sampaio, pastora Helena Tannure e outros. Evento será transmitido ao vivo, nesta terça-feira, 17 

Conferência pastoral Fidelidade Extrema

Realizado pela Associação Evangelística Billy Graham, a Conferência começou hoje, 13 e vai até amanhã. Saiba mais!
- Publicidade -

Plugue-se

Fernandinho e os 16 anos de Ministério pastoral

Uma das maiores referências musicais no mercado gospel, Fernandinho, completou 16 anos de ministério pastoral: "Quero continuar servindo ao meu Deus e à Sua Igreja!", escreveu o cantor

Primeira brasileira a presidir Tribunal de Apelações da ONU

“Na presidência, quero tentar honrar essa tradição brasileira de boa diplomacia, com respeitabilidade honestidade e boa-fé”, disse a magistrada

Deive Leonardo grava última série do ano: Confira!

Gravação será no dia 12 de dezembro, em São José do Rio Preto (SP). Saiba mais!

Atriz é demitida por se posicionar contra a homossexualidade

Após usar sua página no facebook para escrever seu posicionamento contra a homossexualidade, a atriz cristã foi demitida de uma peça de teatro que participaria como atriz principal. Saiba mais!