28.9 C
Vitória
domingo, 28 novembro 2021

Hospitais têm até dezembro para usar pulseiras de identificação

Para o deputado estadual Glauber Coelho o uso das pulseiras de identificação garantirá maior segurança aos pacientes e aos profissionais que prestam assistência.

A Lei 9.754/2011, que torna obrigatório o uso de pulseiras de identificação em todos os pacientes em observação, internação ou que irão realizar procedimentos invasivos em nível ambulatorial e hospitalar, valerá para hospitais da rede privada e filantrópica do estado. Estes têm até dezembro para se adequarem. Quem descumprir o disposto na lei estará sujeito a sanções que variam de notificação até cassação do alvará de funcionamento. Na pulseira, conforme previsto na legislação, deverão constar o código de barra, nome do paciente, idade e nome do médico responsável.

“Frequentemente, a imprensa noticia troca de pacientes, inclusive alguns com óbito, e mais comumente a troca de medicamentos ou mesmo procedimentos médicos equivocados. Essas notícias de morte de vários pacientes pelo uso indevido de medicamentos trazem à tona, para a opinião pública, um problema que já vem sendo discutido há algum tempo na maioria dos países do mundo”, justificou o parlamentar.

Com informações: Web Ales

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se