24.4 C
Vitória
terça-feira, 9 agosto 2022

Horário de Verão poderá ser suspenso

Foto: Reprodução

Atualmente, cerca de 30 países do mundo adotam o horário de verão

O presidente Jair Bolsonaro anunciou hoje (05) que pretende acabar com o horário de verão no Brasil.

Em encontro com jornalistas no Palácio do Planalto, o chefe do Executivo declarou: “A ideia nossa é que não tenha horário de verão neste ano. Está quase certo”, explicou.

Sem grande efeito

Em vigor desde 1931, a mudança de horário foi uma estratégia do governo para gerar economia de energia, já que, durante a estação, as pessoas chegavam em casa e ligavam os chuveiros, ocasionando pico de consumo e grande desperdício.

Com o passar dos anos, porém, os picos de consumo passaram a ser registrados nos momentos mais quentes ao longo do dia, com grande utilização de aparelhos de ar-condicionado, por exemplo, sobretudo no comércio.

Por isso, a Associação Brasileira das Empresas de Serviços de Conservação de Energia (Abesco), por exemplo, entende que a alteração nos relógios não se justifica mais.

Em setembro de 2017, o governo federal chegou a anunciar a intenção de abandonar o horário de verão a partir de 2018, mas voltou atrás.

Na ocasião, o anúncio gerou polêmica. Em cidades litorâneas, como o Rio de Janeiro, o comércio reclamou alegando que o horário de verão incentivava o consumo em bares e restaurantes no fim da tarde.


leia mais

Bolsonaro ganha honraria “Amigos de Sião”

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se