21 C
Vitória
quarta-feira, 8 dezembro 2021

Home office possibilita contratação internacional

Com esse aumento na modalidade de trabalho, cresce também a oportunidade dos trabalhadores de desenvolverem uma carreira internacional. Saiba mais!

Por Dino Divulgador de Notícias (Agência Estado) 

O aumento do home office e o crescimento do e-commerce, duas tendências que foram impulsionadas pela atual crise sanitária que atinge o país, contribuíram para aquecer ainda mais o mercado tecnológico. Entre maio e novembro de 2020, de acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), cerca de 8,2 milhões de brasileiros atuaram sob o regime de teletrabalho, ao passo que, desde o início da atual pandemia, mais de 135 mil lojas no Brasil aderiram ao comércio eletrônico, segundo a ABCCom (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico).

Com esse aumento na modalidade de trabalho, cresce também a oportunidade dos trabalhadores de desenvolverem uma carreira internacional. Em matéria divulgada pelo site Remessa Online, especializado em transferências internacionais, as vagas que mais se destacam no exterior são direcionadas para o setor de tecnologia, com ênfase para desenvolvedores e programadores, visto que a área de atuação permite o trabalho remoto de forma eficaz

A oferta de empregos na área é alta e, ao que tudo indica, deve assim permanecer: segundo dados da IDC (International Data Corporation), cerca de 42% das empresas no Brasil pretendem aumentar o orçamento para o setor de tecnologia ao longo de 2021. Além disso, novos cargos tendem a surgir na área nos próximos anos: de acordo com projeção feita pelo Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), a previsão é que surjam, nos próximos cinco anos, empregos específicos, por exemplo, para analistas de soluções de alta conectividade e orientadores de trabalho remoto.

Em um recorte regional, de acordo com levantamento da Catho, o estado de São Paulo registrou crescimento de até 671% em 2020, durante a pandemia, nas vagas do setor de tecnologia – segundo a pesquisa, os cargos que mais tiveram maior crescimento na oferta de vagas foram cientista de dados (671%), desenvolvedor .NET (517%) e devOps (460%).

Alta oferta de empregos no Brasil e no mundo

Sendo um setor com alta variedade de atividades, linguagens técnicas e inovações, são muitas as possibilidades de atuação para esses profissionais. Nesse sentido, algumas companhias especializaram-se em realizar esta conexão entre trabalhadores e empresas.

Para Vinicius Mesel, fundador e CEO da Pluo, startup especializada em contratação internacional de profissionais de tecnologia que atua como plataforma de divulgação de vagas e recrutamento para profissionais da área, o mercado é altamente orgânico, com inovações constantes e especificidades técnicas surgidas a todo instante. Isso faz com que haja uma constante demanda por especialistas que possam cumprir com as exigências de determinados serviços, ao mesmo tempo em que exercitam novas abordagens práticas. E não há fronteiras para isso.

“O Brasil é um país que conta com trabalhadores altamente qualificados para o setor, isso acaba gerando grande interesse de empresas estrangeiras. Se antes trilhar uma carreira internacional parecia distante, hoje, plataformas como a Pluo, podem tornar isso possível”, diz Mesel. Ele lembra que o fuso-horário do Brasil é similar à região leste dos EUA e não muito distante da região oeste daquele país, bem como da Europa. “A compatibilidade de horários, alinhada com o enfraquecimento do real perante moedas como dólar e euro, faz com que muitos profissionais brasileiros optem por atuar no exterior”, finaliza.

A oferta de vagas de empresas de fora do Brasil por parte da Pluo explica-se: a escassez de profissionais da área de Tecnologia não atinge apenas o Brasil, mas o mundo inteiro – de acordo com a IDC, o mercado mundial tem um déficit de 570 mil especialistas desse setor apenas em 2021.

Mesel acredita que há espaço para o surgimento de uma maior oferta de cursos no Brasil que possa fazer com que este gargalo entre vagas abertas e número de profissionais diminua. “É uma questão que atinge o mundo todo. Porém creio que isto deva ser atenuado com o passar do tempo, pois a digitalização não só dos serviços, mas de toda a sociedade, é um caminho sem volta.”

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se