Pela primeira vez, Espírito Santo será governado por uma mulher

Foto: Renato Cabrini / Next Editorial

A vice-governadora, Jaqueline Moraes é evangélica. Ela assume o cargo no lugar de Renato Casagrande, que viajará à Itália para um evento no setor de mármore e granito

Pela primeira vez uma mulher assume a chefia do Poder Executivo no Espírito Santo. A vice-governadora Jaqueline Moraes participou de um ato simbólico de transmissão do cargo nesta sexta-feira (20), no Palácio Anchieta, no Centro de Vitória.

Jaqueline ficará no cargo por sete dias, em decorrência da viagem oficial do governador Renato Casagrande à Itália. Ele integra a comitiva que participará da Feira Internacional de Comércio de Pedras, Design e Tecnologia (Marmomacc) 2019, que acontece entre os dias 25 e 28 de setembro, em Verona.

Em seu discurso, a governadora em exercício disse que será um desafio governar o Estado por questionarem sua competência, e usou uma frase do ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, para embasá-lo.

O governador Renato Casagrande assina o documento de passagem de cargo para Jaqueline Moraes. – Foto: Renato Cabrini / Next Editorial

“Essa mulher veio lá de Cariacica, o que ela terá a oferecer? “Um bom líder não precisa saber todas das respostas. Basta fazer as melhores as melhores perguntas, cerca-se de pessoas melhores que ele, servir e empoderar os outros”, parafraseou.

Ela afirmou, ainda, que tem dois compromissos enquanto estiver no poder. “O primeiro é com a sociedade. Com a batuta na mão, não deixarei cair o tom, não mudarei o ritmo, nem o compasso de nossa gestão. Temos um compromisso com a honestidade, a ética, o respeito e a justiça social. Contem comigo, capixabas!”, afirmou.

O segundo compromisso, segundo ela, é com o governador Renato Casagrande. “Ele brincou dizendo que ia passar o governo para mim, mas que o queria de volta. Uma brincadeira típica do “Casão”. Governador, conte com meu trabalho, dedicação, lealdade e gratidão. Estou muito feliz em ser assistente do maestro.”, finalizou.

Jaqueline Moraes

Negra, vinda de periferia e evangélica, da Igreja Cristã Filadélfia, em Novo Horizonte, Cariacica (ES), ela é a primeira mulher a chegar à cúpula do poder capixaba.

“Não sabia que Deus iria me surpreender de uma tal forma, que fosse me deixar uma história escrita como a primeira mulher eleita como vice-governadora do Estado. E Ele é tudo na minha vida”, declarou.


leia mais

“Deus me colocou aqui com um propósito”