back to top
22.1 C
Vitória
terça-feira, 28 maio 2024

Cientista cristão, Francis Collins ganha o Prêmio Templeton 2020

Francis Collins é chefe de pesquisa de saúde dos EUA. Ele ganhou prêmio Templeton de ciência e fé

Por Priscilla Cerqueira 

O cientista cristão Francis Collins, chefe dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH), dos EUA, recebeu nesta quarta-feira (20), o Prêmio Templeton, que reconhece indivíduos cujo trabalho combina ciência e fé. A 48ª edição do prêmio consiste em £ 1,1 milhão (US$ 1,35 milhão).

Em uma entrevista à AFP antes do anúncio do prêmio, Collins – que liderou o Projeto Genoma Humano entre as décadas de 1990 e 2000 – disse que descobriu sua fé na década de 1970, quando estudava medicina.

“Como um estudante de medicina que encontrava vida e morte todos os dias, percebi que havia questões muito profundas com as quais meu ateísmo não me ajudava”, disse Collins.

Busca pela cura da covid-19

Aos 70 anos, Collins está agora na linha de frente da resposta dos Estados Unidos à pandemia de coronavírus. Ele diz que ele gasta “provavelmente cerca de 100 horas por semana” procurando uma vacina ou outros tratamentos.

- Continua após a publicidade -

“Quase todos os meus momentos são dedicados aos esforços de encontrar tratamentos e uma vacina para a COVID-19. A elegante complexidade da biologia humana me deixa constantemente maravilhado. Ainda assim, estou em luto pelo sofrimento e mortes que vejo em todo lugar. E às vezes, confesso, sou assolado por dúvidas sobre porque um Deus de amor permitiria tais tragédias. Mas então lembro-me que o Deus que foi pendurado na cruz conhece intimamente o sofrimento. Aprendo e re-aprendo que Deus nunca prometeu libertação do sofrimento – mas prometeu que seria “nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia”, declarou o cientista.

Atualmente Collins é diretor do National Institutes of Health, a organização governamental americana que mais contribui para a investigação no ramo da biomédica em todo o mundo.

Em um post no instagram, a Associação Brasileira de Cristãos na Ciência escreveu. “Celebramos este prêmio e registramos nossa gratidão, reconhecimento e admiração por sua vida e trabalho. Que sua jornada continue revelando a harmonia da ciência e da fé”.

O prêmio

O prêmio, instituído em 1972, visa reconhecer o trabalho de pessoas que contribuem para a reconciliação entre a religião e a ciência. Para além dos seus trabalhos científicos, Collins tem sido um grande defensor da harmonia entre a ciência e o Cristianismo.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -