23.3 C
Vitória
domingo, 14 abril 2024

Filipinho usa etapa de Teahupoo para treinar para Olimpíada

Filipe Toledo usa etapa de Teahupoo para 'treinar' para Olimpíada e chegar em 1º no Finals - Foto: © Pat Nolan/World Surf League/Direitos Reservados
Filipe Toledo usa etapa de Teahupoo para 'treinar' para Olimpíada e chegar em 1º no Finals - Foto: © Pat Nolan/World Surf League/Direitos Reservados

Apesar de os Jogos Olímpicos serem em Paris no próximo ano, o surfe será disputado nas ondas de Teahupoo, na região da Polinésia Francesa

Filipe Toledo vive grande momento no Circuito Mundial de surfe e chega cheio de ambições para a etapa de Teahupoo, a partir desta sexta-feira, no Taiti. O brasileiro lidera a temporada e espera não apenas garantir a lycra amarela para o Finals, em Trestles, no próximo mês, como também já quer “treinar” para a Olimpíada de Paris 2024.

Apesar de os Jogos Olímpicos serem em Paris no próximo ano, o surfe será disputado nas ondas gigantes de Teahupoo, que fica na região da Polinésia Francesa. Filipinho defenderá o ouro conquistado por Ítalo Ferreira nos Jogos de Pequim e busca melhorar seu desempenho no local.

“Essa próxima etapa é muito importante pra mim. Quero ter um bom resultado para garantir a lycra amarela no Finals. Essa é uma ótima chance de praticar, ganhar ainda mais experiência no pico e ficar afiado nessas ondas para a Olimpíada”, afirmou Filipinho, revelando sua dupla jornada em Teahupoo.

O brasileiro está tão focado para esta 10ª e última etapa antes da decisão do título, que treinará com o especialista local, Matahi Drollet, a quem já recorreu antes da etapa de 2018. Na oportunidade, o brasileiro obteve seu melhor resultado nas temidas ondas de Teahupoo, acabando na terceira posição.

- Continua após a publicidade -

Matahi vai auxiliar Filipinho mais uma vez antes de serem rivais na etapa. O surfista acabou caindo na primeira bateria do evento, na qual estará ao lado do brasileiro e do australiano Liam O’Brien).

Além de Filipe Toledo, outros dois surfistas já estão garantidos no Finals: o americano Griffin Colapinto e o australiano Ethan Ewing. Três brasileiros chegam bem na briga pelas duas últimas vagas: João Chianca, o Chumbinho, em quarto na classificação, Yago Dora, o quinto, e Gabriel Medina, o sexto. As ameaças são o haitiano John John Florence e o australiano Jack Robinson. Com informações Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -