21.8 C
Vitória
sábado, 4 julho, 2020

Ex-jogador da seleção brasileira, kaká relata depressão e fé em Deus

Mais lidas

Flexibilização do isolamento pode ter levado 1,1 milhão de volta ao trabalho

Segundo a Pnad Covid, pesquisa divulgada pelo IBGE, de 7 a 13 de junho, a taxa de desemprego no País estava em 12,4%, ante 11,8% na semana anterior

Bolsonaro sanciona lei que torna obrigatório o uso de máscara

Medida foi publicada hoje no Diário Oficial da União. Saiba mais! 

Desigualdades e baixo aprendizado são os maiores desafios na educação

Relatório do Inep aponta desafios para cumprir metas do PNE. Saiba mais! 

Bolsonaro escolhe Renato Feder como novo ministro da Educação

A expectativa é que o anúncio seja feito ainda nesta sexta-feira (3). Saiba mais!

O ex-jogador da seleção brasileira, Kaká relatou como venceu a depressão. Testemunho foi durante o “Janeirão”, da Igreja Batista do Povo, na Vila Mariana, em São Paulo.

“Entendi que sou filho de Deus”, declarou Kaká ao contar que viveu o pior momento de sua vida. O atleta contou que tinha acabado de sair do Real Madrid, em 2013 e não teve um bom desempenho no time. Ele foi para o Milan. Mas logo em seu primeiro dia de jogo foi surpreendido por uma lesão.

“Tinha saído de um lugar onde eu não era desejado pelo público, para ficar em outro e me sentir melhor. Mas acabei me machucando logo na primeira partida e meu médico disse que eu ficaria seis semanas sem jogar. Cheguei a ligar para o presidente e dizer que iria encerrar a carreira. Fiquei muito triste em ver que nada estava dando certo dentro de campo. Comecei a questionar Deus por isso. Foi aí que descobri que estava com depressão. Tinha dúvidas sobre minha identidade. Não sabia mais quem eu era. É uma situação bem delicada”, detalhou.

Kaká achava que tudo não passava de uma frescura emocional. Não tomava os remédios. Apenas após perceber a gravidade da sua situação que começou a melhorar. “Não tinha animo e acordava chorando. Só comecei a melhorar quando me abri para profissionais e para a minha família, que me convenceram a tomar os remédios.”

Mudança de atitude

O ex-jogador reconheceu que, apesar de tudo, ainda era filho de Deus. E tudo mudou. “As pessoas colocaram rótulos em mim e quando eu percebi que eu não era o que falavam a meu respeito e sim filho de Deus, recuperei minha identidade. Só consigo ver tudo isso como uma maneira de estreitar o meu relacionamento com Deus”, ressaltou.

O testemunho de Kaká durou aproximadamente uma hora e meia. Ele também alertou que as redes sociais podem intensificar a doença, por conta dos julgamentos que as pessoas fazem pelas outras.

“As redes sociais podem ser muito perigosas. Nelas, as pessoas podem dizer qualquer coisa e você não é o que as elas dizem. Não é verdade. Você precisa buscar a sua identidade. Se está passando por essa situação de depressão, procure os profissionais ou um líder espiritual. É muito importante falar com pessoas mais experientes sobre seu problema”, aconselhou.

- Continua após a publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Artistas cristãos na ação social “Eu Soul VC”

Entre os artistas cristãos confirmados estão Casa Worship, Renascer Praise, André e Felipe, Rebeca Carvalho e Leandro Borges

The send Argentina é adiado para 2021

Em comunicado, os organizadores do The Send disseram que a data exata será definida assim que o governo tiver o poder de reativar eventos maciços

Em agosto, 16º Fórum de Ciências Bíblicas

Com o tema “A Bíblia para as novas gerações”, evento será realizado nos dias 13 e 14 de agosto, no Centro de Eventos de...

Expoevangélica 2020 é adiada para dezembro

Neste ano, a Expoevangélica celebra 15 anos e pretende realizar uma grande festa em Fortaleza (CE).

Plugue-se

Juliano Son canta “Nada mudou”, do EP Tudo Novo

Canção é o quinto e último single do projeto musical Tudo Novo, de Juliano Son

Kemuel e o fenômeno da música “Algo Novo”

Com quase cinco milhões de vies no Youtube, "Algo Novo", tem impactado a vida de muita gente e diversos testemunhos de cura 

“Quando o sol se põe” estreia dia 22, na Netflix

Filme é uma boa opção para todas as pessoas, independente da religião. Entre os atores de “Quando o Sol se Põe” estão a cantora Priscilla Alcantara, Lu Alone, Filipe Lancaster e Lito Atalaia

Denzel Washington e seu encontro sobrenatural com o Espírito Santo

O ator é bem conhecido por interpretar o papel de Malcolm X - um filme biográfico relacionado às atuais tensões raciais nos Estados Unidos e o Livro de Eli