22.1 C
Vitória
sábado, 16 janeiro 2021

Eu escolho a esperança

Mais Artigos

Recomeçar

Recomeçar também é necessário pela imponderabilidade da vida, que muito se assemelha a uma longa estrada

Há 500 anos, Lutero era excomungado

500 anos se passaram, a Igreja Católica passou por muitas transformações e muito do que Lutero escreveu tem sido revisto

Movimento antivacina e sua relação com a Ciência e Fé

A comunidade científica não é isenta de erros. Diferentemente da religião, a ciência tem que ser mutável e estar em constante mudança. Leia o artigo!

Estamos iniciando um novo semestre e certamente ainda carregando mais dúvidas do que certezas

Duas realidades espirituais distintas tomam lugar nesse panorama e momento histórico.Uma delas pode ser sintetizada pela palavra DESORIENTAÇÃO.

Tente colocar-se no lugar dos discípulos cuja história está registrada em Lucas 24:14 -33. Na verdade esses dois reproduzem a reação de um sem número de outros contemporâneos que, a partir do que ouviram de Jesus e da interpretação que fizeram dessas mesmas coisas, criaram uma expectativa triunfalista registrada no versículo 21: Esperávamos que fosse ele o que remisse a Israel…

Durante anos temos ouvido mensagens com essa perspectiva exegética e que, em não se cumprindo, deixam seus seguidores em estado de desorientação.

A outra realidade que se apresenta nesse momento é a que se registra no mesmo capítulo em apenas um versículo, o primeiro: Foram elas ao sepulcro, levando as especiarias que tinham preparado. Essa realidade pode ser sintetizada pelo palavra ESPERANÇA.

Certamente elas não sabiam explicar o que estava acontecendo, mas ouviram o Senhor falar que ele deveria morrer, o que de fato aconteceu. Essas mulheres enfrentaram a dura realidade, prepararam-se para ela e foram brindadas pelo inesperado, do ponto de vista delas.

Nossa fé e teologia precisam de um pouco mais dessa atitude: fazer o que precisa ser feito mesmo que não entenda o quadro inteiro, mesmo que minhas interpretações tenham me levado para uma direção que não contemplava o que estou vendo e vivendo no presente.

Virar as costas pra realidade, usar o negacionismo teológico ou filosófico, abandonar as crenças mais profundas ou mesmo buscar amparo no ativismo (como fez aquele que voltou ao mar) de nada adiantará. O fato é que Deus não precisa ratificar minha corrente teológica porque quem escreve a história é ele, não aqueles que ao tentar interpretar a profecia vaticinam o ainda por vir.

Prepare seus unguentos, levante-se de madrugada, junte-se com quem tem essa mesma disposição de servir e surpreenda-se ao ouvir a verdadeira interpretação dos fatos que só é dada àqueles que não se furtam a continuar enfrentado a realidade, por mais frustrante ou desafiadora que possa parecer.

Cheio de esperança!

Dinart Barradas é pastor e diretor do ministério de Educação de Filhos (GFI) da Universidade da Família (UDF) de São Paulo.

- Publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

MS: Pastores vão ao MP para evitar fechamento de igrejas

Consideradas serviços essenciais durante a pandemia da covid-19, as igrejas podem funcionar com limitações e medidas de biossegurança em Mato Grosso do Sul. Saiba mais!

Meninas cristãs soterradas em terremoto na Indonésia

Mesmo soterradas as duas meninas passam bem e estão conversando com a equipe de resgate, mas ainda não foram retiradas dos escombros. Saiba mais!

Mais brasileiros voltaram a igreja nos últimos meses

Pesquisa apontou que dobrou o número de brasileiros que voltaram aos cultos presenciais em igrejas do Brasil, nos últimos 3 meses. Saiba mais!

Manaus, a capital brasileira a beira do colapso

A média móvel de mortes no estado cresceu 183% nos últimos sete dias. O envio de oxigênio ao estado não está sendo suficiente para suprir a demanda, e o governo está transferindo pacientes a outros estados. Saiba mais!

Entrevistas

Ilma Cunha: depressão e ansiedade na pandemia

Já viu como tem gente deprimida e ansiosa à nossa volta? As doenças da alma ganharam força total nesta pandemia. Confira a entrevista!

Entrevista com o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande

“O melhor dos cenários para 2021 é com vacina” "O melhor dos cenários para 2021 é com vacina” Por Luciene Araujo “Vamos andar mais rapidamente que o...

Papai Noel – O que ele tem a dizer?

Comunhão “conversou”com “Papai Noel”. Numa entrevista fictícia, ele explica os símbolos e significados do Natal e porque seu personagem tomou o lugar de Jesus...

Mirna Borges: Finanças, planejamento e controle

Uma das principais influenciadoras de finanças no Brasil, Mirna Borges, dá dicas de como sair do vermelho, acertar as contas e ter uma vida mais próspera com o dinheiro, através de princípios bíblicos. Confira!