Governo Federal reconhece situação de calamidade no ES

iconha-chuva-alagada
Município de Inconha (ES) em 18 de janeiro de 2020 (Foto: Lucas Knupp)

Espírito Santo tem alerta para chuvas intensas nesta quarta-feira (22). Governo federal reconheceu situação de calamidade em quatro municípios

Órgãos do governo federal emitiram um alerta conjunto para a possibilidade de chuvas intensas na faixa que compreende o Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais e Rio de Janeiro e  Distrito Federal. A previsão aponta que os totais pluviométricos podem alcançar de 150 a 400 milímetros, e podem causar sérios impactos nesses estados. A projeção é de que as chuvas mais intensas comecem a cair hoje (22) e prossigam até o final de semana.

O informe é do Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR); do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet); do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden); e do Serviço Geológico Brasileiro (CPRM). Há a possibilidade de ocorrerem desastres naturais como inundações, enxurradas, alagamentos, deslizamentos de terra e corridas de solo.

Espírito Santo 

O Ministério do Desenvolvimento Regional reconheceu estado de calamidade pública nas cidades de Alfredo Chaves, Iconha, Rio Novo do Sul e Vargem Alta, todas no Espírito Santo, devido as fortes chuvas da última semana.

As localidades poderão ter acesso a recursos federais para ações de socorro, assistência, restabelecimento de serviços essenciais à população e reconstrução de estruturas públicas afetadas. Desde sábado (18), técnicos da Defesa Civil Nacional estão no Espírito Santo para avaliar o impacto das chuvas na região.

As fortes chuvas causaram a morte de sete pessoas. As informações estão no boletim da Defesa Civil do estado divulgado ontem, após a localização, na cidade de Iconha, do corpo do último morador da região que estava desaparecido.

Alertas 

A população pode ser avisada pelos órgãos ligados à Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec) enviam alertas por SMS nos celulares e mensagens nas TVs por assinatura. Saiba mais aqui!

Núcleo de Gerenciamento de Emergência da Defesa Civil.

Para se cadastrar pelo telefone, basta enviar um SMS com o CEP de interesse para o número 40199. De imediato, a seguinte mensagem confirmará o êxito da operação: “Cadastro realizado com sucesso. O celular está apto a receber alertas e recomendações de defesa civil. Para cancelar, envie SAIR e o CEP para 40199”. É permitido cadastrar mais de um CEP e as mensagens são gratuitas.

Já na TV, os alertas são emitidos diariamente. O serviço também é gratuito, está disponível em todos os estados do Brasil e não há necessidade de cadastro prévio.

*Da redação, com informações de Agência Brasil e Revista ES Brasil 


Leia mais

Ore por Inconha! Temporal destrói cidade 
Inconha: “Apesar da tragédia, agradecemos à Deus” 
Chuva castiga o ES – Capixabas estão ilhados