back to top
22.1 C
Vitória
segunda-feira, 15 DE julho DE 2024

Teólogo diz que escolas tradicionais acabam com a fé das crianças

Educação Domiciliar. Foto: Reprodução.
Educação Domiciliar. Foto: Reprodução.

O pastor Rodrigo Mocellin afirma que muitos pais estão vendo os filhos se desviarem do caminho do Senhor, e as instituições de ensino têm responsabilidade nisso

Por Victor Rodrigues

Mais de 35 mil famílias e 70 mil estudantes com idades entre 4 e 17 anos são adeptos do homeschooling no Brasil. O dado é da pesquisa da Associação Nacional de Educação Domiciliar (Aned), que revela a expansão do modelo de ensino em que pais ou responsáveis lecionam para os jovens em casa. 

Em 2022, o projeto que regulamenta a oferta domiciliar da educação básica, o PL 1338/2022, foi aprovado na Câmara dos Deputados. Atualmente o tema está em debate no senado, sob relatoria da senadora Professora Dorinha Seabra (União – TO). 

O Supremo Tribunal Federal (STF) reconheceu em 2018 a base constitucional do homeschooling, mas destaca a necessidade de legislação para regulamentá-lo.

- Continua após a publicidade -

Para o pastor Rodrigo Mocellin, que é autor do livro “Homeschooling ao alcance de todos”, o modelo de ensino domiciliar contribui para preservar a fé das crianças. 

Teólogo Rodrigo Mocellin. Foto: Divulgação.
Teólogo Rodrigo Mocellin. Foto: Divulgação.

“Embora esse tipo de ensino ainda não tenha uma lei concreta, o tribunal afirmou que é um direito dos pais o homeschooling, conforme apontado pelo então ministro Luiz Barroso. O Estado não pode forçar a família a criar seus filhos de maneira contrária às crenças dela. E aqui já se inclui outro direito constitucional: a liberdade de crença”, explica o teólogo.

Mocellin reforça que a escola tradicinal visa atender pessoas das mais variadas crenças, mas ela precisou fingir por décadas uma pseudoneutralidade. 

“Ideologia de gênero, religiões politeístas, socialismo, darwinismo e tantas outras heresias são ensinadas às claras. Sim, eu usei a palavra heresia para me referir às mentiras propagadas na escola, afinal, os colégios atuais se tornaram um templo em que todos os mais variados deuses são adorados, menos Jesus”, diz Rodrigo.

Para o teólogo, a prática do homeschooling possibilita a autonomia para os pais escolherem a melhor forma de educar e também ajuda a preservar os estudantes dos problemas presentes nas instituições de ensino públicas e privadas.

“Por que tantos pais cristão estão vendo seus filhos se desviarem dos caminhos do Senhor? Mesmo em famílias piedosas, é comum vermos pais frustrados com filhos que se parecem mais com ídolos pop do que com Cristo Jesus. É nesse momento que a culpa em forma de palavras brota de nossas almas: ‘Onde foi que eu errei? A resposta é óbvia: a escola'”, diz. 

Ele também reitera que a educação domiciliar não é coisa de rico nem está acessível apenas àqueles que possuem um alto nível cultural. Ela está, segundo ele, ao alcance de todos e traz inúmeros benefícios para o crescimento saudável das crianças.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -