25.4 C
Vitória
sexta-feira, 25 setembro 2020

Max Weber: Economia e religião estão interligadas?

Leia também

Governo de SP irá subsidiar 161 mil computadores a professores

Doria anunciou também o repasse de R$ 352 milhões a 166 mil servidores da rede pública de ensino, entre professores, diretores e agentes da educação

Em meio a ‘atropelo’ de Marco Aurélio, Celso de Mello antecipa retorno ao Supremo

Marco Aurélio antecipou a divulgação de seu voto no qual defendeu a possibilidade de uma oitiva por escrito de Bolsonaro

São Paulo registra 964.921 casos confirmados de covid-19 e 34 877 óbitos

Nessa semana tivemos ainda índices que mostraram quedas expressivas tanto no número de óbitos, quanto de internações", afirmou o secretário estadual de Saúde

No livro “A ética protestante e o espírito do capitalismo”, o sociólogo alemão, Max Weber, se debruça em um estudo minucioso sobre as religiões e o sistema econômico do século XX

O desenvolvimento econômico de um país está ligado diretamente a fatores associados ao sistema político, educacional, da saúde, entre outros. No entanto, no decorrer da história da humanidade, estudiosos apontam a religião como um fator de enorme influência para a economia do mundo.

E, o sociólogo alemão, Max Weber, foi o primeiro a desenvolver um estudo aprofundado sobre as religiões protestantes e o sistema capitalista moderno, em seu livro A ética protestante e o espírito do capitalismo, escrito originalmente em 1904 e lançado no Brasil pelo Grupo Editorial Edipro. Saiba mais sobre o livro aqui!

Na obra, Weber investiga doutrinas de predestinação e êxito material como graça divina das religiões, traçando um paralelo destas visões de mundo com o desenvolvimento do capitalismo do século XX na Alemanha. Para o sociólogo, não se trata de expor a teologia moral dessas religiões, mas sim entender os encadeamentos psicológicos e pragmáticos que exercem um papel importante nas motivações praticas das atividades econômicas.

Essa relação entre o conteúdo das religiões e o desenvolvimento da economia de uma sociedade são muitas vezes indiretas, visto que acaba sofrendo a influência de outras instituições existentes nessa mesma sociedade. Então, Weber aponta para uma tendência à maior racionalidade econômica dos protestantes de sua época, em comparação à população católica.

Do ponto de vista de Weber, cada religião possuía uma implicação na conduta econômica das pessoas e, por sua vez, essas interferências divergiam em particular na forma de apresentação da “doutrina da salvação”, a qual as religiões faziam seus seguidores acreditarem.

A ética protestante e o espírito do capitalismo é uma obra fundamental aos estudos da história econômica, da ação de grupos sociais motivadas por crenças culturais, da secularização de conceitos religiosos, entre outros temas sociológicos, ciência política e filosóficos.

Sobre o autor

Max Weber é um jurista e economista alemão, é considerado um dos fundadores da Sociologia. Sua obra influencia, até hoje, os estudos nas mais diversas disciplinas como a economia, a filosofia, o direito, a ciência política e a administração.

Construiu uma extensa carreira acadêmica nas universidades de Humboldt de Berlim, de Freiburg, de Heidelberg, de Viena e de Munique. Grande parte de suas pesquisas foram dedicadas ao estudo do capitalismo. Foi consultor dos negociadores alemães no Tratado de Versalhes (1919) e da comissão encarregada de redigir a Constituição de Weimar.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Bíblia, o consolo da dor: “quando escrevo eu aprendo”

Dona Maria Petrina, 79 anos, resolveu não apenas ler, mas copiar a Bíblia na íntegra, para ajudar a superar o luto pela morte do marido.

Uma história real: “Já não sou eu quem vive”

"Já não sou eu quem vive", é uma história baseada no diário de uma jovem cristã, em meio à pandemia, em Manaus (AM). Saibamais!

Poste cai em cima de um carro e homem sai ileso: “livramento de Deus”

Jorgino da Silva, 59 anos, poderia ter ficado gravemente ferido no acidente, mas reconhece que Deus o livrou! Saiba mais!

Itália: dos cultos online aos batismos presenciais

Missionários brasileiros, da Junta de Missões Mundiais realizaram diversos batismos de italianos que foram evangelizados nesse período de pandemia.

Júlia Vitória em mais um clássico da música cristã

Depois dos sucessos "Além do rio azul" e "Ele vem/Cidade Santa", Júlia Vitória apresenta um medley com um consagrado hino do Cantor Cristão "Meu deixe aqui/ Tudo entregarei"

Fred Arrais: “quero deixar a minha marca”

Com história na música cristã através do movimento worship, Fred Arrais inicia um novo momento na sua carreira com a Sony, com um objetivo: "vou cantar minha vida, minha história", diz

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Live: Lançamento do Evangelho de João em Libras

Lançamento do evangelho de João em Libras será nesta sexta-feira, 25, pelo Youtube. Saiba mais!

Live Elementos Essenciais do Discipulado

Como os Estudos da Bíblia de Discipulado podem ser usados em microgrupos de discipulado entre pessoas recentes na fé. Saiba mais!

Live solidária: artistas em favor da Igreja Perseguida

Denominado de "Seja um com eles", a live solidária é um grito de ajuda a igreja perseguida. Paulo César Baruk, Rebeca Nemer, Eyshila, André Aquino são alguns dos convidados. Saiba mais!

Arte da Graça em casa; Conscientização do setembro amarelo

Em formato online, o evento une shows e workshops incentivando a tolerância, paz e música. Saiba mais!
- Publicidade -

Plugue-se

Priscilla Alcântara dá voz a trilha sonora de “A caminho da Lua”

"Vou voar", canção-tema da animação "A Caminho da Lua" está disponível em todas as plataformas na voz de Priscilla Alcântara. Filme estreia na Netflix...

Uma história real: “Já não sou eu quem vive”

"Já não sou eu quem vive", é uma história baseada no diário de uma jovem cristã, em meio à pandemia, em Manaus (AM). Saibamais!

Fred Arrais: “quero deixar a minha marca”

Com história na música cristã através do movimento worship, Fred Arrais inicia um novo momento na sua carreira com a Sony, com um objetivo: "vou cantar minha vida, minha história", diz

“Jesus” se torna a novela mais vista na Argentina

Exibida no horário nobre, a trama, escrita por Paula Richard, venceu, com 12,5 pontos de média: a novela teen 'Floricienta'. Saiba mais!