27.1 C
Vitória
sexta-feira, 28 janeiro 2022

Conheça “O homem que concerta mulheres”

Foto Divulgação

Documentário retrata o trabalho do médico cristão Denis Mukwege, que é porta voz de mulheres vítimas de violência sexual na África. Ele ganhou o prêmio Nobel da Paz 2018.

A incansável luta do médico cristão Denis Mukwege em atender mulheres estupradas na República Democrática do Congo, na África, rendeu um documentário sobre seu trabalho. O longa foi lançado em 2015 e divulgado no festival do Rio de Janeiro.

O documentário mostra o trabalho que o médico desenvolve durante os conflitos no Congo. Fundador de um hospital especializado nos casos e um militante de fama internacional, ele já foi alvo de um atentado de radicais, e hoje vive sob proteção das Forças de Paz da ONU.

Pastor pentecostal e filho de pastor, Denis Mukwege já ganhou 26 prêmios internacionais, inclusive o Nobel da Paz esse mês. Nos últimos 20 anos, ele tratou milhares de mulheres e crianças em um Hospital administrado pelas Associação das igrejas Pentecostais da África Central (CEPAC).

“Se os cristãos não vivem as implicações práticas de sua fé entre suas comunidades e vizinhos, não podemos cumprir a missão que nos foi confiada por Cristo”, disse ele em uma palestra para a Federação Luterana Mundial no ano passado.

Confira o trailer


Leia mais

Nobel da Paz vai para um médico cristão

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se