19.4 C
Vitória
sexta-feira, 19 agosto 2022

Conheça “O homem que concerta mulheres”

Foto Divulgação

Documentário retrata o trabalho do médico cristão Denis Mukwege, que é porta voz de mulheres vítimas de violência sexual na África. Ele ganhou o prêmio Nobel da Paz 2018.

A incansável luta do médico cristão Denis Mukwege em atender mulheres estupradas na República Democrática do Congo, na África, rendeu um documentário sobre seu trabalho. O longa foi lançado em 2015 e divulgado no festival do Rio de Janeiro.

O documentário mostra o trabalho que o médico desenvolve durante os conflitos no Congo. Fundador de um hospital especializado nos casos e um militante de fama internacional, ele já foi alvo de um atentado de radicais, e hoje vive sob proteção das Forças de Paz da ONU.

Pastor pentecostal e filho de pastor, Denis Mukwege já ganhou 26 prêmios internacionais, inclusive o Nobel da Paz esse mês. Nos últimos 20 anos, ele tratou milhares de mulheres e crianças em um Hospital administrado pelas Associação das igrejas Pentecostais da África Central (CEPAC).

“Se os cristãos não vivem as implicações práticas de sua fé entre suas comunidades e vizinhos, não podemos cumprir a missão que nos foi confiada por Cristo”, disse ele em uma palestra para a Federação Luterana Mundial no ano passado.

Confira o trailer


Leia mais

Nobel da Paz vai para um médico cristão

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se