24 C
Vitória
quinta-feira, 22 abril 2021

Dia Estadual de combate a Cristofobia no Pará

Objetivo é discutir o respeito a religião cristã, diminuindo comportamentos criminosos contra cristãos. Projeto contra a Cristofobia, segue para sanção do governador

A Assembleia Legislativa do Pará (Alepa) instituiu na última quarta-feira, 24, o Dia Estadual de Combate à Cristofobia, que será lembrado anualmente em 6 de janeiro. O Projeto de Lei nº 268/2020 é de autoria do deputado Martinho Carmona (MDB).

“Ante a tantos atentados e ataques sofridos por cristãos em toda parte do mundo, a proposição tem como principal função estimular e discutir o respeito à religião cristã, e, mais do que isso, instruir a sociedade como um todo acerca da tolerância aos valores e verdades que o cristianismo prega”, justificou o deputado.

De acordo com a proposta, nesta data podem ser realizadas caminhadas, carreatas, palestras, seminários e outras ações. O objetivo é discutir a respeito da intolerância religiosa contra cristãos e instruir a sociedade acerca dos valores e verdades defendidas pelo Cristianismo.

Perseguição religiosa

Ligado a Igreja Quadrangular do Pará, o deputado Martinho Carmona citou o aumento da perseguição aos cristãos em todo o mundo nos últimos anos. Ele usou como argumento os relatórios elaborados pela organização Portas Abertas.

Anualmente a entidade divulga a Lista Mundial de Perseguição, com os 50 piores países para se exercer o Cristianismo. Apesar de o Brasil não fazer parte da lista, a perseguição em todo o mundo chamou a atenção, com um aumento de 30% em relação ao ano de 2019.

*Com informações da Assembleia Legislativa do Pará

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se