26.6 C
Vitória
segunda-feira, 6 dezembro 2021

“Deus não me abandonou”, diz jovem cristão após sair da prisão

“Fizemos culto todas as noites, e vidas se renderam ao Senhor”, revelou o jovem evangélico Vinícius Matheus Barreto Teixeira, de 21 anos

Por Patricia Scott

O jovem cristão Vinícius Matheus Barreto Teixeira, de 21 anos, foi solto na tarde desta quarta-feira (13), após permanecer mais de uma semana preso injustamente. No último dia 4 de Outubro, o músico foi levado para o Complexo Prisional de Benfica, na zona norte do Rio de Janeiro, acusado de associação ao tráfico. No entanto, a Justiça assumiu que ocorreu equívoco ao reconhecer que Vinícius não era o criminoso procurado.

“Em nenhum momento Deus me abandonou, mesmo preso injustamente. Quero agradecer a todos que se movimentaram para me ajudar. Estou muito feliz pela liberdade com minha família e amigos. Sei que Deus me usou na prisão. Fizemos culto todas as noites, e vidas se renderam ao Senhor”, revelou o rapaz evangélico, segundo informações do jornal O Dia.

Vinícius, que jamais teve antecedentes criminais, deixou a penitenciária acompanhado do pai, Messias Gomes Teixeira, da mãe, Paula Barreto Gomes Teixeira, e também do líder da igreja em que o jovem é membro, o pastor Wandson Vieira. O rapaz regressou para casa, na cidade de Macaé, no norte Fluminense. A família processará o Estado.

Vinícius toca na igreja que congrega – Foto: Reprodução

“Ele entrou humilhado, mas saiu honrado. Gostaria de agradecer à imprensa, aos deputados que apoiaram e lutaram junto com a gente, à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), aos amigos e à mobilização de toda a sociedade, para que a justiça fosse feita”, ressaltou o pastor Wandson.

O erro judicial, que levou Vinícius para trás das grades, aconteceu, porque o pai do rapaz, Messias Gomes Teixeira, tem o mesmo nome e sobrenome do traficante que chefiava a venda de entorpecentes no Morro do Palácio, em Niterói, Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Conhecido como “Feio”, o criminoso está preso. No entanto, o filho é procurado pela polícia por ser suspeito de ter assumido o lugar do pai.

 

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se