24.9 C
Vitória
terça-feira, 21 setembro 2021

Descubra sua identidade e vença a rejeição

“É a identidade que garante a individualidade de ter direitos à felicidade, e a felicidade nos dá direitos de humanidade”

Por Marlon Max

Quase todas as pessoas possuem medo da rejeição. Essa aflição pode inclusive gerar dor física, palpitações e outras somatizações. E há explicação científica para isso. Estudos mostraram que o cérebro registra rejeição da mesma forma que faz a dor física E mais, quando há estresse muito grandes, como o causado pela rejeição, os músculos do coração podem enfraquecer, é o que apontam estudiosos da saúde mental.

Entre outras reações, que não são físicas ou necessariamente mentais, a rejeição aflige diretamente a identidade das pessoas. Não importando a idade, episódios repetidos de rejeição destrói as noções mais elementares da identidade, e com isso, todo sistema de crenças é abalado, explica a psicóloga Thaiana Brotto.

Não é diferente quando falamos sobre Deus. Pessoas que foram rejeitadas passam a ter dificuldade em desenvolver um relacionamento genuíno com Deus, ou não confiam que Ele é o provedor ou pior, desconhecem Deus como um pai amoroso. Para o pastor Douglas Gonçalves, do ministério JesusCopy, todos sofrem ou vão sofrer com rejeição na caminhada cristã, mas algumas características podem se misturar com a identidade, tornando difícil de reverter.

Douglas_Gonçalves
Pr. Douglas Gonçalves, do JesusCopy (Foto: Reprodução)

“Pessoas que viveram traumas, seja físico ou na alma. Quem sofreu uma rejeição precisa compreender que você é uma vítima. É vítima de um sistema opressor, de pessoas más ou de uma circunstância desfavorável”, destaca. Pessoas que sofreram rejeições, e não souberam lidar com elas, acabam ferindo outras pessoas, explica Douglas Gonçalves. “O ciclo se repete, pois uma pessoa ferida vai muito possivelmente ferir outras”, diz.

A chave para virar o jogo, como descreve o pastor, é entender que Deus é o autor da história. “Ele é quem escreve sua história, você é o autor e por isso precisa aceitar o roteiro que ele designou para sua vida”, frisa Douglas.

“Quando Ele diz, você precisa agir, com o entendimento sobre aquilo que Ele pensa sobre você e não com a influência das coisas que estão ao seu redor. Ele controla a história, e ele nunca te rejeitou”, declara.

O pastor JesusCopy ainda acrescenta: “Você é filho de Deus, cara (sic). Você tem Pai e Ele te ama e vai continuar amando para todos sempre. Você precisa receber esse amor, e dispensar os sintomas da rejeição”.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se