17 C
Vitória
segunda-feira, 1 junho, 2020

Deputados Evangélicos e católicos estudam ação conjunta

- Continua após a publicidade -

Mais lidas

Após Crivella liberar, Justiça do Rio proíbe cultos religiosos por coronavírus

Foi determinado que a Prefeitura do Rio também terá que fiscalizar de forma efetiva o cumprimento das medidas de isolamento social.

Esperança na Síria: Plantando bondade em meio a muçulmanos

Como aulas de reforço com equipe do Centro de Esperança mudaram o comportamento de crianças atendidas em escola na vila de Al Bassa, na Síria

Quem era George Floyd, que foi morto por um policial nos EUA?

O homem negro que foi morto por um policial nos EUA, George Floyd ajudou pastores a evangelizar e discipular uma comunidade carente no Texas, marcada pela violência entre gangues

São Paulo ultrapassa os 100 mil casos de coronavírus

Estado também contabilizou 295 mortes por Covid-19 em um dia, chegando ao total de 7.275 óbitos confirmados. Número de casos em 24h foi o segundo maior desde o início da pandemia

Ao todo, frentes parlamentares dos evangélicos e católicos podem representar “bloco cristão” com 311 deputados

Em meio ao crescimento no Congresso Nacional – em número e influência – de parlamentares ligados ao cristianismo, líderes das frentes Evangélica e Católica Apostólica Romana afirmam o desejo de estreitar a “sinergia” entre os grupos. Em entrevista, os deputados Silas Câmara (Republicanos-AM) e Francisco Júnior (PSD-GO) defendem que o diálogo entre as frentes poderia ser maior, pois há uma agenda em comum entre elas.

“Ainda não existe uma sintonia tão grande, mas eu quero que ela exista. A maioria dos valores que defendemos são cristãos, não são propriedade nem do católico e nem do evangélico”, afirma Júnior, líder da frente católica. Para o deputado, a afinidade de pautas, principalmente aquelas ligadas aos costumes, gera uma atuação comum. “Os deputados se conhecem, vão conversando e, mesmo sem articulação, acabam indo na mesma direção.”

O Coordenador da frente evangélica, Silas Câmara também se diz favorável à criação de uma única frente cristã, mas exige empenho por parte dos deputados católicos nessa articulação. “Eles podem construir isso conosco. Podemos sim avançar para uma frente cristã comum.”

Bancada Evangélica: qual a contribuição para a política nacional? Saiba mais! 

Bloco Cristão 

As frentes parlamentares Evangélica e Católica reúnem 311 deputados, dos quais 98 estão presentes nos dois grupos, segundo levantamento feito pelo Estado. Na junção de um único bloco cristão, a frente ficaria entre as cinco maiores do Congresso, atrás apenas das Defesa de Furnas (387), Justiça Notarial e Registral (333), Educação (312) e empatada com a de Defesa dos Municípios Brasileiros.

Embora ligeiramente menor em número, a bancada evangélica, com 200 deputados, alcança mobilização maior em torno de projetos que defende ou se opõe. “A maioria dos deputados se declara católica, mas não tem esse comprometimento com a Igreja. Não é uma frente religiosa, mas defende valores católicos”, pondera Júnior.

Para o deputado, a atuação tímida da frente católica até aqui tem se destacado em pautas que atentem contra o “chavão” do grupo: defesa da vida e da família. “Existe quase uma articulação constante e transversal em torno de temas calorosos, com relação a costumes”, pontua, destacando o combate a pautas como aborto, eutanásia e o que ele chama de “ideologia da identidade de gênero”.

“Isso traz temas sempre polêmicos e presentes no Congresso”, explica, citando como exemplo um projeto de lei proposto por Orlando Silva (PCdoB-BA), que visava aumentar o reconhecimento de famílias pelo Estado.

Articulação diluída

De acordo com Silas, um das principais mobilizações da frente evangélica em 2020 será para um novo entendimento do Congresso sobre a LGBTfobia, que ano passado foi equiparada ao crime de racismo pelo STF. Simultaneamente, eles também pretendem frear o avanço sobre descriminalização das drogas na Suprema Corte, influenciar o marco do saneamento e se articular em torno da reforma tributária, retomando a discussão sobre imunidade tributária às igrejas, vetada em janeiro por Bolsonaro.

A frente católica, por sua vez, visa aumentar a “interlocução entre o voto católico e o Legislativo” em pautas maiores, como a reforma trabalhista, continuando um trabalho que já fizeram no pacote anticrime do ministro Sérgio Moro e na na reforma da Previdência : “Todos os deputados votaram a favor, mas melhoramos aspectos como a aposentadoria para viúvas, pessoas com deficiência e outros valores que consideramos fundamentais”.

A tática geral, para ambas as frente, é tocar as pautas de costumes em paralelo à agenda econômica do governo e do Congresso, onde pretendem representar o interesse católico e evangélico.

Alinhamento com o Executivo

Embora seja católico autodeclarado, Jair Bolsonaro se aproximou da comunidade evangélica ainda na campanha de 2018, consolidando esse laço em seu primeiro ano de mandato. Em julho, durante culto realizado pela FPE na Câmara dos Deputados, Bolsonaro indagou se já “não estava na hora” de o Brasil ter um ministro do STF evangélico.

“Poderei indicar dois ministros para o Supremo Tribunal Federal. Um deles será terrivelmente evangélico”, declarou o presidente, logo após a decisão da Suprema Corte de equiparar a discriminação com base em identidade de gênero e orientação sexual ao racismo.

Perguntado se o presidente privilegia os evangélicos em seu governo, Câmara refuta a afirmação, argumentando que boa parte da equipe ministerial e do Supremo é católica. “Para mim, essa ideia do presidente é uma amenização e uma justiça com os evangélicos, que já são mais de 20% da população”, afirma.

Ele aponta que essa representatividade já está sendo vista no Congresso e, eventualmente, terá que chegar em outros espaços, como o Executivo e o Judiciário. Júnior, por sua vez, também afirma não se importar com a declaração do presidente, desde que o ministro em questão seja “terrivelmente evangélico e terrivelmente competente”.

Apesar do alinhamento com a FPE, o deputado aponta que entre os 209 parlamentares da frente católica, ela abrange um grande espectro político e, no geral, acompanha bastante o governo. “Só não temos militantes de esquerda”, afirma, apesar de o grupo contar com 17 parlamentares do PT, quatro do PCdoB e um do PSOL, de acordo com o site da Câmara. “A competência significa dar atenção ao que gerou a constituição. A nossa Constituição tem valores Cristãos muito sérios.”

*Da redação, com informações do Terra


Leia Mais 

Evangélicos se elegem para a Câmara dos Deputados 
Bancada Evangélica: qual contribuição para a política nacional? 
Confira os melhores filmes sobre fé e política 

- Continua após a publicidade -

Revista Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Vila Mix em Casa Gospel acontece neste sábado (30)

Grandes nomes do meio evangélico do Brasil como André Valadão e Deive Leonardo vão participar do VillaMix em Casa Gospel. Evento será transmitido pelo youtube. Saiba mais!

“Carreata da solidariedade”, Marcha para Jesus em SP

Realizada pela organização da Marcha para Jesus, a ação foi batizada de “Carreata da Solidariedade” e será realizada no dia 13 de Junho

Diante do Trono anuncia congresso online

Diante da pandemia do coronavírus, a banda anunciou o "Congresso Mulheres e Moças" online

GOD Brasil: Como anunciar o que o mundo precisa ouvir?

O God Brasil é um movimento que incentiva o evangelismo intenso no mundo inteiro em um dia

Receber notícias

Gostaria de receber notícias em primeira mão? Assine gratuitamente agora:

Plugue-se

Animações para explicar crenças bíblicas em série

Série Princípios são divididos em 12 episódios que tiram dúvidas de temas bíblicos e também exploram temas contemporâneos, como o aborto.

“Aventuras em Galápagos”: desbravando a criação

A diversidade de recursos naturais das ilhas foi cenário para a produção, que faz parte de um projeto pedagógico da Educação Adventista

Em breve, um documentário sobre a Igreja Perseguida

Série conta com 12 episódios em que cristãos perseguidos contam suas histórias e como enfrentam a perseguição

Em reflexão, Hillsong United grava vídeo com integrantes em quarentena

"Tendo colocado a letra e a melodia para combinar com qualquer humor ou ocasião, a mensagem dessa música é perfeita para todos nós agora", escreveu integrante. Confira!