24.2 C
Vitória

Prêmio Nobel da Paz para cristãos perseguidos

Leia também

Mercado de capitais melhora em julho; captações somam R$ 34 bilhões

O mercado exibiu no mês passado R$ 30,8 bilhões em captações, a queda foi de 49,2%.

Transporte interestadual abre guerra judicial entre governo e empresas

O governo já venceu em 18 ações e foi derrotado em apenas uma. Outras três seguem em tramitação

São Paulo registra 628.415 casos confirmados pela covid-19

Houve um aumento de 5% no número de óbitos na última semana em relação ao período anterior

É a primeira vez que um grupo etno-religioso recebe a honraria. O ganhador do Prêmio será anunciado no dia 5 de outubro.

Washington – Os cristãos coptas, que sofrem perseguição religiosa no Egito, foram nomeados para o Prêmio Nobel da Paz de 2018. Eles são o primeiro grupo etno-religioso a receber a honraria.

Eles fazem parte dos 331 indicados ao Prêmio desse ano, que tem o maior número de candidatos desde 2016. A comissão responsável pela premiação não divulgou os nomes dos cristãos indicados ao Nobel. Eles representam apenas 10% da população do país.

O ganhador do Prêmio será anunciado na sexta-feira, 5 de outubro. Mas a cerimônia oficial está marcada para dezembro. Esta não foi a primeira vez que cristãos coptas são indicados ao Nobel da Paz. Em 2012, a líder cristã “Mama Maggie” Gobran foi nomeada para o Prêmio Nobel da Paz 2012 por seu trabalho abnegado de assistência às pessoas carentes das favelas em lixões no Cairo, capital do Egito.

Perseguição

Nos últimos anos, os cristãos coptas foram alvos de numerosos ataques violentos cometidos por extremistas islâmicos no Egito.

Em abril de 2017, duas igrejas foram alvos de atentados a bomba coordenados, que deixaram 25 mortos. No mês seguinte, jihadistas atacaram um grupo de cristãos no sul do Cairo, matando cerca de 30 pessoas.

Segundo o relatório da Open Doors (Missão Portas Abertas dos EUA), só no ano passado, 128 cristãos egípcios morreram por conta de sua fé. E mais de 200 foram expulsos de suas casas. De acordo com a ONG, a perseguição aos cristãos se intensificaram em 2011, quando os protestos da “Primavera Árabe” levaram à derrubada do ditador Hosni Mubarak.

“Os cristãos no Egito enfrentam atualmente níveis sem precedentes de perseguição. Apesar disso, os coptas sempre se recusaram a retaliar e continuarão a praticar a coexistência pacífica”, disse a organização.

*Com informações da PRNewswire


Leia mais

Trump é indicado para o Prêmio Nobel da Paz

- Continua após a publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Canta Recife Experience com Rodolfo Abrantes e esposa

O Canta Recife Experience é o primeiro evento drive-in cristão do Nordeste. Saiba mais!

Semana de lives da Consciência Cristã 2021; Confira as datas!

O tema das lives, que acontece de hoje, 3, até sábado, 8, é "Feitos à imagem de Deus", que será a abordagem do Consciência Cristã 2021

Helena Tannure e Alda Célia no Congresso Vitoriosas

É a terceira edição do evento, que é voltado para mulheres. O tema do Congresso Vitoriosas 2020 será Transformadas. Saiba mais! 

Lagoinha abre curso Linhas de ensino; Saiba mais!

As aulas das turmas do primeiro módulo do Curso Linha de ensino se iniciam a partir de 17 de agosto. Saiba mais!

Plugue-se

‘Fala, Pai’: podcast especial para homens

O "Fala, pai" apresenta  31 reflexões, com cerca de três minutos voltadas para os homens. Saiba mais!

Dia dos Pais: aqueça os corações com um bom filme

O Dia dos Pais é celebrado neste domingo, 9, mas que tal aproveitar o fim de semana para aquecer o coração com um filme especial?

“Confiar” é o terceiro single de Larissa e Isabela pela Sony

Larissa e Isabela são vencedoras do Festival de Música Gospel Eagle, edição ES, que aconteceu em setembro do ano passado

Como o estudo da Bíblia pode transformar uma pessoa

No Rio Grande do Sul, uma mulher passou a estudar a Bíblia sozinha. Hábito  alcançou toda a família e foi todo mundo transformado a partir do estudo da Bíblia