24.4 C
Vitória
domingo, 5 julho, 2020

Camarões – Cristãos pedem o fim da violência no país

Mais lidas

Partida entre Fluminense e Botafogo será transmitida em TV aberta

Partida entre Fluminense e Botafogo será transmitida em TV aberta

Presidente sobrevoou áreas afetadas por ciclone em Santa Catarina neste sábado

"Governo está a disposição para ajudar os atingidos", diz Bolsonaro. Confira!

Flexibilização do isolamento pode ter levado 1,1 milhão de volta ao trabalho

Segundo a Pnad Covid, pesquisa divulgada pelo IBGE, de 7 a 13 de junho, a taxa de desemprego no País estava em 12,4%, ante 11,8% na semana anterior

Decotelli sobre sua saída do governo: “Me sinto destruído”

Em uma entrevista concedida à Uol, o ex-ministro Carlos Decotelli afirmou que o racismo influenciou na sua demissão do Ministério da Educação

Exército está transformando igrejas em `quartéis´. E os cristãos são massacrados no país.

“Precisamos de paz e da intervenção das Nações Unidas. Muitas pessoas morrem todos os dias, casas e aldeias são queimadas, há pessoas famintas e também aquelas que se refugiam na Nigéria. Nós não temos voz em nosso país”.

Esta foi a declaração de um cristão metodista, que teve sua identidade preservada por questões de segurança, à agência ‘Protestant Digital’.

É que o país vive uma onda de violência. Várias igrejas evangélicas estão sendo transformadas pelo exército em quartéis militares. E por sua vez, os crentes estão sendo massacrados.

Segundo informações publicadas no jornal The Christian Post, centenas de pessoas foram mortas este ano, enquanto dezenas de milhares foram forçadas a fugir como refugiados. Cerca de 50 escolas primárias e secundárias e hospitais cristãos foram afetados, enquanto pelo menos quatro igrejas foram convertidas em quartéis militares.

“Há frequentemente tiroteios entre diferentes forças, e uma bala perdida pode matar um menor”, acrescentou o cristão.

Cerca de 78 crianças chegaram a ser sequestradas por homens armados das milícias de Ambazônia, de uma escola dirigida pela Igreja Presbiteriana. Elas foram devolvidas no início de novembro. Por conta da violência, a escola deve fechar em breve.

“Elas parecem cansadas e psicologicamente torturadas. É lamentável que tenhamos que fechar a escola e enviar 700 crianças para casa, disse Forba. A segurança deles não é garantida pelo Estado e os grupos armados constantemente os atacam e sequestram”, disse Fonki Samuel Forba, moderador da Igreja Presbiteriana do país.

Em outubro, por ocasião de um feriado bancário comunitário, Forba declarou em um comunicado:

“Não podemos ter uma celebração enquanto muitos dos filhos de Deus estão sendo mortos, sofrendo ou vivendo como refugiados internos ou externos. A ênfase deve ser colocada no fornecimento do Fundo de Trabalho para a Missão, para permitir que a igreja continue ajudando nossos pastores e irmãos deslocados pelo conflito armado que trouxe dor e sofrimento a muitos”, explicou.

*Com informações de Christian Post

Leia mais

Angola – Duas mil igrejas cristãs já foram fechadas
Brasileiro salvou crianças de fome na Angola

- Continua após a publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Artistas cristãos na ação social “Eu Soul VC”

Entre os artistas cristãos confirmados estão Casa Worship, Renascer Praise, André e Felipe, Rebeca Carvalho e Leandro Borges

The send Argentina é adiado para 2021

Em comunicado, os organizadores do The Send disseram que a data exata será definida assim que o governo tiver o poder de reativar eventos maciços

Em agosto, 16º Fórum de Ciências Bíblicas

Com o tema “A Bíblia para as novas gerações”, evento será realizado nos dias 13 e 14 de agosto, no Centro de Eventos de...

Expoevangélica 2020 é adiada para dezembro

Neste ano, a Expoevangélica celebra 15 anos e pretende realizar uma grande festa em Fortaleza (CE).

Plugue-se

Kanye West anuncia nova música de trabalho com temática gospel

Em um vídeo curto Kanye West divulgou detalhes da melodia da canção "Wash Us In The Blood" (Lava-nos no Sangue)

Enciclopédia dos adventistas em formato digital

Enciclopédia é fruto de um trabalho de dezenas de profissionais em várias partes do mundo e inclui material sobre pioneiros adventistas na América do Sul

Juliano Son canta “Nada mudou”, do EP Tudo Novo

Canção é o quinto e último single do projeto musical Tudo Novo, de Juliano Son

Kemuel e o fenômeno da música “Algo Novo”

Com quase cinco milhões de vies no Youtube, "Algo Novo", tem impactado a vida de muita gente e diversos testemunhos de cura