back to top
26.9 C
Vitória
domingo, 16 junho 2024

Cristãos e judeus se unem em oração na Ucrânia

Foto: Reprodução/Eternity New

Os dois segmentos religiosos clamaram ao Senhor o Salmo 31 a pedido do rabino-chefe do país invadido pelo governo russo

Por Patricia Scott 

Diante do agravamento da crise entre a Rússia e a Ucrânia, que culminou com a invasão russa ao país vizinho, cristãos e judeus ucranianos estiveram reunidos, nesta semana, para orar o Salmo 31, a pedido do rabino-chefe na Ucrânia, Yaakov Dov Bleich. “Em ti, SENHOR, confio; nunca me deixes confundido. Livra-me pela tua justiça. Inclina para mim os teus ouvidos, livra-me depressa; sê a minha firme rocha, uma casa fortíssima que me salve. Porque tu és a minha rocha e a minha fortaleza; assim, por amor do teu nome, guia-me e encaminha-me.(…)”, diz o texto bíblico escrito por Davi.

Baseado nas relações inter-religiosas para espalhar a Palavra, o líder religioso judeu fez o convite aos cristãos. “O rabino-chefe convidou todos nós cristãos e todos os ucranianos para ler o Salmo 31 durante esses tempos difíceis. Para mim, como pastor, eu li esse Salmo de forma diferente agora, porque é sobre a nossa situação atual na Ucrânia. Esta oração antiga, escrita há milhares de anos, agora vemos que está tão viva”, revelou Anatoliy Raychynets, secretário-geral adjunto da Sociedade Bíblica na Ucrânia.

Com a crise, segundo ele, os ucranianos estão fazendo perguntas sérias e cristãos precisam responder com consistência. Anatoliy frisou que a primeira resposta é o convite para se unirem em oração. “Não oramos pela vitória sobre nosso inimigo. Oramos para que a diplomacia da Ucrânia e do mundo inteiro traga uma solução. Oramos para que o milagre de Deus aconteça porque sabemos que precisa ser um milagre para parar isso”, salientou.

- Continua após a publicidade -
Cristãos e judeus se unem em oração na Ucrânia
Foto: Eternity News

O pastor ressaltou, de acordo com Eternity News que a Palavra é viva e aplicável à vida. Ele revelou que, após a leitura do Salmo, experimentou uma profunda sensação de conforto e calma. “É assim que a Palavra de Deus está trabalhando nas almas de nós seres humanos na Ucrânia agora”, concluiu Raychynets.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -