26.8 C
Vitória
sexta-feira, 27 março, 2020

Covid-19: Crianças africanas oram pelo mundo

- Continua após a publicidade -

Mais lidas

Jogador do Ajax acorda do coma após quase três anos

Depois de dois anos e nove meses em coma, o jogador Abdelhak Nouri, do Ajax, acordou. O jovem estava em tratamento após ter uma arritmia cardíaca em campo

Ferj amplia suspensão do Campeonato Carioca até 30 de abril

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro comunicou a ampliação da suspensão do Campeonato Carioca até o dia 30 de abril

Adiamento das Olimpíadas: Ruim para uns, bom para outros

Quem estiver punido por doping e tiver cumprido a sua sentença até o período classificatório, estará apto a competir na Olimpíada do ano que vem

Covid-19: Quase 3 mil casos e 77 mortes no Brasil

Um mês depois do primeiro caso no Brasil, país registra 2915 casos confirmados de coronavírus e 77 óbitos, informa o Ministério da Saúde.

Com mãos estendidas sobre o mapa mundial, crianças africanas, de Moçambique, oram fervorosamente contra a disseminação do coronavírus. O país registou o primeiro caso de Covid-19 neste domingo (22)

Em Gumbane, na província de Maputo, Moçambique, na África, centenas de crianças fizeram uma oração, colocando as mãos sobre o mapa mundo. Elas pedem a Deus pelo o fim da pandemia do coronavírus, que infectou mais de 308 mil pessoas, das quais mais de 13 mil já morreram.

No vídeo, que foi publicado nas redes sociais, as crianças oram fervorosamente, colocando as mãos sobre os países mais afetados, como é o caso de Itália. Neste domingo (22), o ministro da saúde de Moçambique, Armindo Tiago, anunciou o primeiro caso de covid-19 no país. Trata-se de um homem de 75 anos, que tinha regressado dos Estados Unidos, estava infetado.

crianças_orando-comunhao
Foto: Reprodução/ Instagram

Projeto missionário

A ação faz parte do projeto Kutsemba Ka África (Acreditar em África), da Igreja de Deus, liderada pela missionária Celia Mendes. Ela está em Moçambique há 17 anos.

“Nós instruímos as crianças sobre o coronavírus e citamos os países que estão sendo atingidos pelo vírus. Essas crianças já estão acostumadas a orar. Elas conhecem a Deus nesse nível e são guerreiras em oração. Elas abraçaram a causa, oram e choram”, explicou Célia.

O projeto tem uma parceria com a escola local. Após as aulas, as crianças vão para a associação onde são alimentadas e aprendem a Bíblia. “A comunidade é muito pobre. Algumas crianças só comem na nossa associação. É o único alimento diário delas”, revelou a missionária.

Veja o vídeo

- Continua após a publicidade -

Revista Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

26 de março: live – Como inovar na igreja em tempos de disruptura

Nesta quinta (26), as 19h, vai acontecer a primeira live da série "O efeito da liderança na crise” com Josué Campanhã, diretor da Envisionar e Thiago Faria

Novo Som faz show online

Devido a quarentena por causa do coronavírus, a banda vai estar ao vivo no sábado (28) a partir das 20h. Será transmitido pelo Instagram e Facebook

Coronavírus: Os eventos evangélicos que já foram cancelados

Devido a pandemia que se instalou no país por conta da Covid-19, muitos eventos evangélicos foram cancelados, suspensos ou adiados. Confira!

Oficina sobre comicidade no ambiente hospitalar

O Lacarta Circo Teatro abre inscrição para palhaço hospitalar. A oficina acontecerá dia 14 e 15 de março das 09h às 16h, na sede...

Receber notícias

Gostaria de receber notícias em primeira mão? Assine gratuitamente agora:

Plugue-se

Como a pandemia deve ser encarada pelos cristãos?

“Creia no sobrenatural de Deus”, diz médica cristã, ao falar sobre o medo do coronavírus e como os cristãos devem encarar a pandemia

Casa Worship lança projeto acústico gravado em Goiânia

A Banda gravou "A Casa É Sua" com releituras acústica de sucessos do seu DVD. "Não consigo descrever a sensação que foi essa experiência"...

“Milagre da vida”: O inesperado pode ser um presente

Em tempos de confinamento por conta do coronavírus, o filme “40 Dias - O Milagre da Vida” vem apresentar essa mensagem de uma forma sensível e desafiadora

Rede de solidariedade no Brasil por conta da pandemia

Uma imensa rede de solidariedade vem se formando com pessoas comuns, que oferecem o que podem, de graça, sem esperar nada em troca