24.4 C
Vitória
domingo, 5 julho, 2020

Covid-19 ataca países onde a perseguição religiosa é extrema

Mais lidas

Partida entre Fluminense e Botafogo será transmitida em TV aberta

Partida entre Fluminense e Botafogo será transmitida em TV aberta

Presidente sobrevoou áreas afetadas por ciclone em Santa Catarina neste sábado

"Governo está a disposição para ajudar os atingidos", diz Bolsonaro. Confira!

Flexibilização do isolamento pode ter levado 1,1 milhão de volta ao trabalho

Segundo a Pnad Covid, pesquisa divulgada pelo IBGE, de 7 a 13 de junho, a taxa de desemprego no País estava em 12,4%, ante 11,8% na semana anterior

Decotelli sobre sua saída do governo: “Me sinto destruído”

Em uma entrevista concedida à Uol, o ex-ministro Carlos Decotelli afirmou que o racismo influenciou na sua demissão do Ministério da Educação

Países da África Subsaariana, onde COVID-19 causa mais estragos, também são os países onde a perseguição aos cristãos é mais alta

O Sudão do Sul, a República Democrática do Congo, o Sudão, a Nigéria e os Camarões são os mais vulneráveis ​​ao coronavírus, de acordo com o Africa Center, uma instituição acadêmica do Departamento de Defesa dos EUA que se concentra em questões de segurança relacionadas à África.

O que eles têm em comum são fatores de risco, como sistemas de saúde fracos, falta de transparência do governo, conflitos contínuos dentro de suas fronteiras e uma alta concentração de pessoas deslocadas.

Todos eles também aparecem na Lista Mundial da Perseguição 2020, que classifica os 50 países mais perseguidos no mundo – Sudão (7º), Nigéria (12º) e Camarões (48º) – ou na Lista de Países em Observação – Sudão do Sul e Congo – dos países onde é mais difícil viver como cristão.

Um dos grupos vulneráveis ​​são os pastores que trabalham nas áreas de população mais pobre ou que passam por suscetíveis conflitos.

“Eles dependem muito de ofertas e doações dos membros da igreja para obter renda. Como são forçados a parar de trabalhar e frequentar a igreja, os pastores terão grandes dificuldades em alimentar suas próprias famílias”, disse Jo Newhouse, porta-voz da organização na África Subsaariana.

Outros cristãos provenientes de áreas como o “Cinturão do Meio” da Nigéria, onde os ataques estão em andamento, vivem em campos de refugiados onde o distanciamento social é impossível ou são forçados a permanecer isolados e vulneráveis a seus perseguidores.

*Com informações de Portas Abertas

- Continua após a publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Artistas cristãos na ação social “Eu Soul VC”

Entre os artistas cristãos confirmados estão Casa Worship, Renascer Praise, André e Felipe, Rebeca Carvalho e Leandro Borges

The send Argentina é adiado para 2021

Em comunicado, os organizadores do The Send disseram que a data exata será definida assim que o governo tiver o poder de reativar eventos maciços

Em agosto, 16º Fórum de Ciências Bíblicas

Com o tema “A Bíblia para as novas gerações”, evento será realizado nos dias 13 e 14 de agosto, no Centro de Eventos de...

Expoevangélica 2020 é adiada para dezembro

Neste ano, a Expoevangélica celebra 15 anos e pretende realizar uma grande festa em Fortaleza (CE).

Plugue-se

Kanye West anuncia nova música de trabalho com temática gospel

Em um vídeo curto Kanye West divulgou detalhes da melodia da canção "Wash Us In The Blood" (Lava-nos no Sangue)

Enciclopédia dos adventistas em formato digital

Enciclopédia é fruto de um trabalho de dezenas de profissionais em várias partes do mundo e inclui material sobre pioneiros adventistas na América do Sul

Juliano Son canta “Nada mudou”, do EP Tudo Novo

Canção é o quinto e último single do projeto musical Tudo Novo, de Juliano Son

Kemuel e o fenômeno da música “Algo Novo”

Com quase cinco milhões de vies no Youtube, "Algo Novo", tem impactado a vida de muita gente e diversos testemunhos de cura