back to top
24.4 C
Vitória
segunda-feira, 22 DE julho DE 2024

Copa do Mundo de 2026 deve ter novo formato com 104 partidas

Há questionamentos sobre a duração da Copa do Mundo, que deve precisar de cerca de 40 dias para sua conclusão

A Copa do Mundo de 2026, que terá Estados Unidos, México e Canadá como países-sede, deve ter 104 jogos, 24 a mais do que o previsto anteriormente. De acordo com veículos da imprensa americana, como New York Times e Washington Post, a cúpula da Fifa aprovou, durante reunião realizada em Kigali, Ruanda, um formato de disputa em que a primeira fase reúne 12 grupos de quatro seleções.

A Fifa já havia oficializado que o Mundial passaria a ser disputado com 48 seleções em vez de 32, mas havia dúvidas sobre o formato. A ideia inicial era começar a disputa dentro de um esquema com 16 grupos de três seleções. Os dois primeiros de cada chave avançariam para a segunda fase, anterior às oitavas de final.

Apesar da fase adicional, como cada time jogaria apenas duas partidas na fase de grupos, seria mantido o máximo de sete partidas para as nações que chegassem mais longe, assim como nas edições anteriores. No modelo com 12 de grupos de quatro, serão três partidas na primeira fase e a etapa seguinte, com 32 seleções, será mantida. Por isso, tanto o campeão e o vice-campeão, quanto os times que disputarem o terceiro lugar farão um total de oito jogos.

A reformulação veio após a Fifa identificar problemas do primeiro formato sugerido. O principal deles é a possibilidade de combinação de resultados entre os dois times em campo, já que, dentro de um grupo de três seleções, uma delas sempre estará descansando. Também é avaliada negativamente a eliminação após apenas duas partidas.

- Continua após a publicidade -

O novo modelo proposto não é unanimidade. Há questionamentos sobre a duração da Copa do Mundo, que deve precisar de cerca de 40 dias para sua conclusão, o que limitaria o calendário de ligas nacionais importantes. O último Mundial, disputado no Catar, durou 28 dias, mas afetou o calendário porque foi disputado entre novembro e dezembro.

Principal entusiasta das modificações na Copa do Mundo, o presidente da Fifa, Gianni Infantino, continuará no comando por mais um mandato. As eleições da entidade serão nesta semana, mas ele será reeleito, uma vez que sua candidatura é a única. Infantino já havia tentado, sem sucesso, implementar outras alterações, como realizar um Mundial a cada dois anos.

Com informações Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -