Congresso comemora ‘Dia Internacional do Homem’

Congresso do movimento de
Congresso do movimento de "Até o Último Homem" (Foto: Nivaldo Ferreira)

Congresso “Até o último Homem” reuniu mais de 700 homens em Vila Velha (ES) para comemorar a data, e ressaltar questões do cotidiano masculino

O Dia Internacional do Homem é celebrado nesta terça-feira (19), reconhecido como International Men’s Day. Assim, chamar atenção para cuidados da saúde masculina e debater o papel positivo do homem na sociedade é um dos objetivos.

O Congresso do movimento “Até o Último Homem” aconteceu na última sexta-feira (15) no estacionamento do Boulevard Shopping Vila Velha (ES). O evento reuniu cerca de 750 homens.

Idealizado pelo pastor Emerson Mafessoni, o movimento tem objetivo de trabalhar questões referentes ao cotidiano masculino. Assim, o congresso fez alusão ao Dia Internacional do Homem.

Segundo o pastor e organizador, o trabalho se baseia no evangelismo de homens não crentes, além do discipulado e mentoria. De acordo com Mafessoni, o objetivo é gerar no coração dos homens a visão e missão para qual foram criados.

Emerson organiza conferências, retiros, congressos exclusivos para homens, abordando diversos temas como: Hombridade Restaurada, Paternidade Integral, Redenção e Integridade Sexual, Responsabilidade e Legado.

O lema do movimento é “Homem não é problema é solução”.  Segundo o pastor, a quantidade expressiva de homens se dá pela relevância do trabalho. Entre os temas abordados no congresso estão: Pornografia, Masturbação Compulsiva, Orfandade Paterna e problemas no casamento.

INSTITUTO HOMENS LIVRES

O pastor Emerson Mafessoni é sexólogo clínico, terapeuta de família, coaching em paternidade, sexualidade, e em seu mestrado pesquisa a correlação do vício de pornografia à crimes sexuais.

“Há seis anos Deus me fez um chamado direto, embora seja pastor de ovelhas, fui estudar em primeiro lugar”, revela. Assim o pastor estudou uma visão antropológica, sociológica, biológica, jurídica, sexual e escriturística do homem.

Em 2020 o pastor estará lançando o “Instituto homens livres” para trabalhar na violência contra mulher. Além disso, buscará atender homens condenados pela justiça ou estão gerando risco para família através do álcool, drogas e violência.

O combate a pornografia adulto infantil, o atendimento a esse homem que foi abusado sexualmente, e tudo o que envolve o universo masculino fazem parte do projeto. Hoje o projeto está em diferentes regiões como: Espírito Santo, Europa, Belo Horizonte, entre outras.

CONFIRA O CONGRESSO

 


LEIA MAIS

Os desafios de um homem cristão 
O que Deus espera do homem
Dica de leitura – “Homem do Reino”