30.1 C
Vitória
segunda-feira, 24 janeiro 2022

Comissão Nacional de Clubes tenta amenizar situação dos jogadores

comunhao-jogos
Pausa forçada agita bastidores do futebol brasileiro - Foto: Fernando Moreno/AGIF

Representantes da Comissão Nacional de Clubes enviaram propostas para diminuir os impactos financeiros da paralisação dos jogos sobre os clubes brasileiros

Mesmo com a pausa forçada devido ao surto do novo coronavírus os bastidores do futebol profissional seguem agitados. Os clubes estão se movendo para conseguir sobreviver financeiramente durante a paralisação. Estão em negociação desde a última sexta-feira (20) com a Comissão Nacional de Clubes e a Federação Nacional dos Atletas de Futebol Profissional (Fenapaf).

A negociação visa proteger os direitos dos atletas. A Fenapaf acionou todos os sindicatos estaduais para falar sobre as propostas. No estado de São Paulo, porém, o Sindicato de Atletas Profissionais do Estado de São Paulo disse não saber de nenhuma negociação e que não participou de nenhuma reunião sobre o que não é verdade, tendo em vista que é filiada à Fenapaf.

A Fenapaf considera a atitude do Sindicato de Atletas Profissionais do Estado de São Paulo omissa, já que em um momento tão importante da história do futebol, está pensando somente no lado financeiro da questão.

Com as propostas encaminhadas, agora a Fenapaf aguarda uma posição dos jogadores, que podem sugerir uma outra proposta caso não estejam de acordo com algo específico. Estão em pauta férias imediatas, negociação de salário, linha de crédito, dentre outras medidas.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se