23.6 C
Vitória
sábado, 4 julho, 2020

Perseguição – Dezenas de cristãos são detidos na China

Mais lidas

Flexibilização do isolamento pode ter levado 1,1 milhão de volta ao trabalho

Segundo a Pnad Covid, pesquisa divulgada pelo IBGE, de 7 a 13 de junho, a taxa de desemprego no País estava em 12,4%, ante 11,8% na semana anterior

ES: Igreja celebra aniversário com carreata, culto drive-in

Aniversário de 29 anos da Primeira Igreja Batista da Praia da Costa, em Vila Velha (ES) foi diferente. Além de uma live com o grupo Kemuel, teve a carreta da gratidão e o encerramento com o culto drive-in, com participação de Anderson Freire

Bolsonaro sanciona lei que torna obrigatório o uso de máscara

Medida foi publicada hoje no Diário Oficial da União. Saiba mais! 

Desigualdades e baixo aprendizado são os maiores desafios na educação

Relatório do Inep aponta desafios para cumprir metas do PNE. Saiba mais! 

As autoridades chinesas consideram ilegais as igrejas que não aceitarem ser supervisionadas pelo Governo

A polícia deteve dezenas de fiéis e líderes de uma das igrejas domésticas protestantes mais proeminentes da China, disseram membros da congregação e ativistas, na mais recente ação do governo contra grupos religiosos não registrados.

Equipes de policiais e autoridades de segurança do Estado na cidade de Chengdu, no sudoeste do país, chegaram aos lares de líderes e membros da Early Child Covenant Church no domingo e os detiveram, segundo comunicados enviados aos membros da Igreja e repassados ​​à Reuters por fiéis e ativistas.

“A hora chegou. Ó Senhor! Você não estabeleceu esta igreja para este propósito?”, a igreja disse em um de seus anúncios.

“Nós vamos esperar por você, como um vigília espera pelo amanhecer.”

Acredita-se que mais de 100 pessoas foram detidas, disse um ancião da igreja, que se recusou a ser identificado.

Nem os Ministérios de Segurança Pública de Chengdu nem a nível nacional responderam aos pedidos de comentários por fax.

perseguição

A Constituição da China garante a liberdade religiosa, mas desde que o presidente Xi Jinping assumiu o cargo há seis anos, o governo aumentou as restrições religiosas vistas como um desafio à autoridade do Partido Comunista.

A lei chinesa exige que todos os locais de culto se registrem e se submetam à supervisão do governo, mas algumas igrejas se recusaram a registrar, por várias razões.

A Early Rain Church é uma das igrejas domésticas não registradas mais conhecidas na China.

Os membros da igreja não puderam contatar o pastor Wang Yi, o fundador da igreja, ou sua esposa, e os grupos da igreja na plataforma de mensagens instantâneas WeChat também foram bloqueados, disse a igreja em um anúncio.

O jornalista de Pequim Ian Johnson, que escreveu sobre Wang e sua congregação em seu livro de 2017, The Souls of China, disse no Twitter que a repressão foi “uma notícia realmente preocupante”.

“Receio que isso seja parte de uma repressão maior contra igrejas cristãs não registradas, à medida que o governo pressiona seus esforços para dominar a sociedade”, escreveu ele.

A polícia disse a Zhang Xianchi, 84, um conhecido autor e membro da igreja, que não deve visitar a igreja, porque ela foi “ilegal” e que todos os seus principais líderes foram detidos, segundo um relato de Zhang compartilhado pela igreja.

Um vídeo postado online por ativistas na China e no exterior, mostrou um grupo de cerca de uma dúzia de policiais à paisana levando os frequentadores da igreja para longe de uma reunião.

Na gravação, a polícia disse a uma mulher que levaria um homem ao departamento de segurança pública municipal para ser investigado, enquanto uma criança chorava ao fundo.

“Estou lhe dizendo que estamos aplicando a lei”, disse um policial à mulher.

Igrejas em toda a China têm mais pressão para registrar desde que um novo conjunto de regulamentações para governar os assuntos religiosos entrou em vigor em fevereiro e aumentou as punições para as igrejas não-oficiais.

*Com informações da Christian Today.


leia mais

China barra cristãos em aeroportos
China – Líderes pedem o fim da violência contra cristãos
Cristãos são levados para campos comunistas na China

- Continua após a publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Artistas cristãos na ação social “Eu Soul VC”

Entre os artistas cristãos confirmados estão Casa Worship, Renascer Praise, André e Felipe, Rebeca Carvalho e Leandro Borges

The send Argentina é adiado para 2021

Em comunicado, os organizadores do The Send disseram que a data exata será definida assim que o governo tiver o poder de reativar eventos maciços

Em agosto, 16º Fórum de Ciências Bíblicas

Com o tema “A Bíblia para as novas gerações”, evento será realizado nos dias 13 e 14 de agosto, no Centro de Eventos de...

Expoevangélica 2020 é adiada para dezembro

Neste ano, a Expoevangélica celebra 15 anos e pretende realizar uma grande festa em Fortaleza (CE).

Plugue-se

Juliano Son canta “Nada mudou”, do EP Tudo Novo

Canção é o quinto e último single do projeto musical Tudo Novo, de Juliano Son

Kemuel e o fenômeno da música “Algo Novo”

Com quase cinco milhões de vies no Youtube, "Algo Novo", tem impactado a vida de muita gente e diversos testemunhos de cura 

“Quando o sol se põe” estreia dia 22, na Netflix

Filme é uma boa opção para todas as pessoas, independente da religião. Entre os atores de “Quando o Sol se Põe” estão a cantora Priscilla Alcantara, Lu Alone, Filipe Lancaster e Lito Atalaia

Denzel Washington e seu encontro sobrenatural com o Espírito Santo

O ator é bem conhecido por interpretar o papel de Malcolm X - um filme biográfico relacionado às atuais tensões raciais nos Estados Unidos e o Livro de Eli