19.9 C
Vitória
sexta-feira, 12 agosto 2022

Cenário de “The Chosen” terá réplica de Cafarnaum em tamanho real

Foto: YouTube/The Chosen

Os brasileiros foram responsáveis por financiar um terço da terceira temporada da série, que tem previsão de estreia entre setembro e dezembro deste ano

Por Patrica Scott 

Grande é a expectativa para a terceira temporada de “The Chosen”, série cristã de sucesso mundial. Durante uma live transmitida pelo canal de “The Chosen”, no YouTube, Dallas Jenkins, informou que as gravações da terceira temporada devem começar nos dias 18 ou 25 de abril deste ano. A princípio aconteceriam em março. De acordo com informações do portal The Chosen Fans Brasil, os brasileiros foram responsáveis por financiar um terço da terceira temporada da série, que tem previsão de estreia entre setembro e dezembro deste ano.

Uma réplica em tamanho real da cidade bíblica de Cafarnaum está sendo construída, na cidade de Midlothian, no Texas, nos Estados Unidos, pelos produtores da série cristã. Vale lembrar que Cafarnaum foi a cidade onde o apóstolo Pedro viveu e também onde Jesus adorava na sinagoga local.

O gigantesco set de filmagem servirá de cenário para a nova temporada. A cidade cinematográfica contará com casas de vários discípulos, uma sinagoga e um cais de pesca no “Mar da Galileia”, além de estúdio de gravação, sala de marcenaria para construção de cenários e camarins.

O supervisor de construção Tad Eckerle afirma que o complexo de filmagem já está 95% construído. “Assim como a sinagoga, lançamos as bases há algumas semanas e já estamos construindo a estrutura. Tudo começará a se mover muito rapidamente quando todas essas fundações forem implementadas”, revelou em recente live no canal da série no YouTube.

Dallas Jenkins é o diretor da série “The Chosen”, que é sucesso mundial – Foto: Divulgação

O diretor Dallas Jenkins, em entrevista ao Eternity News, contou que a terceira temporada permanecerá mostrando a crescente fama de Jesus, porém com a popularidade do Messias começando a incomodar algumas pessoas. “Agora que as multidões o seguem, as multidões estão vindo para Cafarnaum, onde vivem Jesus e alguns dos discípulos, e isso está começando a perturbar muito a construção social e governamental”, explicou Jenkins.

Dallas Jenkins salientou ainda que “The Chosen” segue expondo a luta pessoal dos discípulos em dedicar a vida para Cristo. Também será evidenciado a divulgação do Evangelho pelos apóstolos. “Nos Evangelhos está escrito que os discípulos saem dois a dois, e eles começam a se juntar ao ministério e curar pessoas e expulsar demônios. E então, é claro, temos algumas das grandes e famosas histórias e milagres que introduziremos lá também”, ressaltou o diretor.

“The Chosen” já é a maior série de TV produzida de forma independente com financiamento coletivo, arrecadando cerca de 22 milhões de dólares. Dallas Jenkins enfatizou que “The Chosen” continuará disponível gratuitamente. Ele acredita que compartilhar o Evangelho de Cristo é urgente em tempos de pandemia, distúrbios raciais e outras divisões políticas.

 

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se