18.8 C
Vitória
sábado, 20 agosto 2022

Carla Zambelli apresenta PL para criminalizar invasão de igrejas

Foto: Nilson Bastian/Câmara dos Deputados

A motivação da parlamentar tem relação com a invasão de um local religioso, em Curitiba (PR), no mês passado

Por Patricia Scott 

A deputada federal Carla Zambelli (União-SP) apresentou projeto de lei para criminalizar a invasão de estabelecimentos religiosos. A motivação da parlamentar tem relação com a invasão de uma igreja, na cidade de Curitiba (PR), em fevereiro, por um grupo liderado por um vereador petista, Renato Freitas.

O PL elaborado por Zambelli prevê também punição para ultraje a culto, vilipêndio de objeto religioso, impedimento ou perturbação de culto religioso e à assistência religiosa. A deputada destaca ainda na justificativa do projeto, o fechamento de templos e igrejas em 2020 e 2021, por causa da pandemia.

Carla Zambelli menciona no projeto uma suposta ideologia de esquerda, que é contrária às religiões. Um exemplo seria o regime soviético, que levou “à demolição de igrejas, mesquitas e sinagogas, ridicularizando, perseguindo, encarcerando e executando líderes religiosos e cidadãos que se declararam cristãos”.

O caso
A ação motivadora da deputada Carla Zambelli aconteceu ao final de um protesto contra o assassinato do imigrante congolês Moise Kabagambe, que ocorreu na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro. Os manifestantes interromperem a missa que ocorria no local, em Curitiba (PR).

Nas redes sociais, o evento gerou forte reação. O ministro da Justiça, Anderson Torres, ofereceu ajuda ao governo do Paraná para que houvesse investigação do acontecimento.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se