Caio Fábio deixa a liderança do Caminho da Graça

Foto: Arquivo Comunhão

Em um vídeo postado em seu canal no Youtube, o pastor disse que vai se dedicar a outros projetos: “Eu nunca gostei de organização eclesiástica”.

O polêmico pastor Caio Fábio anunciou seu desligamento da Igreja Caminho da Graça, em Brasília (DF), onde atuava como mentor e líder. A notícia foi comunicada por ele mesmo, através de um vídeo publicado em seu canal do Youtube, nesta segunda-feira (21).

“Vou voltar a me dedicar ao meu ministério de evangelização, mestre ensinador, que sempre foi minha vocação, e nunca de pároco e de organização eclesiástica. Tenho o dom de Deus de enxergar a alma das pessoas”, declarou.

Caio Fábio foi pastor presbiteriano por 30 anos, além de fundador e presidente da Associação Evangélica Brasileira (AEVB). Atualmente, liderava o movimento Caminho da Graça, que fundou há quase vinte anos.

O projeto foi implantado em vários lugares do brasil com o objetivo de “cuidar das pessoas”, como ele mesmo especifica. No vídeo, ele justifica seu afastamento alegando se dedicar a outros projetos pessoais.

“Vou me dedicar a produção de vídeos bíblicos, históricos, arqueológicos e também acerca das crises humanas nas próximas décadas, bem como a fim de retornar à produção literária, coisas que mesmo muito amando não teve tempo para fazer satisfatoriamente nas últimas décadas. Quero me dedicar a que eu realmente amo fazer, que é pregar e evangelizar todos os dias, de todos os modos e formas que eu posso”.

Caio Fábio também anunciou que irá voltar a viajar a partir de março. “Tudo aos cuidados de seu filho Davi D’Araujo, com o apoio dos grupos do Caminho da Graça no Brasil e no exterior e das várias igrejas e denominações locais”, contou.

Sobre os rumos do Caminho da Graça ele afirmou. “Faço essa transição, essa passagem com absoluta naturalidade. Mas lembrem, não é para se inventar a roda, é só pra continuar rodando aquilo que no espírito do Evangelho foi ensinado a todo mundo”.

Em abril de 2018, Comunhão entrevistou Caio Fábio em sua casa em Brasília, quando ele falou sobre diversos temas polêmicos, inclusive sobre a preocupação principal de cuidar de pessoas. Confira aqui sobre essa entrevista.

Caio Fábio

Além de pastor, é escritor e psicanalista. Foi uma das lideranças evangélicas de maior abrangência entre as diferentes linhas doutrinárias no final dos anos de 1980 e 1990, quando atuou como líder na Igreja Presbiteriana do Brasil.

Tornou-se um importante escritor, com centenas de livros publicados e também criou o projeto social Fábrica da Esperança, na favela de Acari, no Rio de Janeiro. Mas é um nome no meio evangélico relacionado a constantes polêmicas e confrontos.

Ele iniciou o programa “Café com Graça” em 2001, que com o tempo mudou para “Caminho da Graça”, que no vídeo, Caio Fábio afirmou ser seu sobrenome.

Veja


Leia mais

Caio Fábio fala sobre dor e crescimento em novo livro