24.7 C
Vitória
sexta-feira, 26 fevereiro 2021

Bolsonaro recebe embaixador da Índia

O compromisso não estava previsto na agenda oficial e ainda não há detalhes sobre a reunião

Por Emilly Behnke (AE)

Enquanto o Brasil ainda aguarda as 2 milhões de doses da vacina contra a covid-19 vindas da Índia, o presidente Jair Bolsonaro recebeu nesta manhã o embaixador indiano no Brasil, Suresh K. Reddy, para uma reunião no Palácio do Planalto. Na semana passada, a negativa do governo da Índia em liberar as vacinas negociadas da AstraZeneca/Oxford frustrou os planos do Ministério da Saúde, que contava com os imunizantes para o início da campanha de vacinação no Brasil.

Um avião da Azul deveria buscar as doses e era esperado para retornar ao País até domingo. Contudo, a aeronave que iria ao país asiático buscar o produto nem chegou a decolar e, por isso, o governo federal se apressou para solicitar na sexta, 15, seis milhões de doses da Coronavac, do Butantan, para começar a campanha de vacinação. Tanto a vacina da AstraZeneca/Oxford quanto a Coronavac tiveram o uso emergencial aprovado ontem pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Nesta manhã, na saída do Palácio da Alvorada, Bolsonaro afirmou a apoiadores que o governo “vai atrás” dos contratos de vacinas que ainda não foram entregues. “A Anvisa aprovou (a vacina), não tem o que discutir mais. Agora, havendo disponibilidade no mercado, a gente vai comprar e vai atrás de contratos que fizemos também que era pra ter chegado a vacina aqui”, disse.

Pouco depois, ele recebeu o embaixador indiano no Planalto. O compromisso não estava previsto na agenda oficial e ainda não há detalhes sobre a reunião. Na semana passada, Bolsonaro atribuiu a não entrega das vacinas ao início da campanha de vacinação na Índia. Repercutiu mal entre a população indiana a notícia de que vacinas seriam enviadas ao Brasil antes mesmo do começo da campanha de vacinação local.

Com o início da vacinação na Índia no último sábado, 16, a previsão é que a carga de imunizantes para o Brasil seja liberada nos próximos dias, mas, por enquanto, não se sabe quando isso deve ocorrer. Na sexta-feira, 15, Bolsonaro chegou a dizer que o cronograma de entrega poderia atrasar “dois, três dias”.

“Resolveu-se, não foi decisão nossa, atrasar em um ou dois dias até que o povo comece a ser vacinado lá (na Índia), porque lá também tem as pressões políticas de um lado ou de outro”, afirmou na última sexta-feira, em entrevista à TV Band. “Daqui a dois, três dias no máximo o nosso avião vai partir e vai trazer essas 2 milhões de doses”, disse Bolsonaro.

O avião fretado que estava em Recife, em Pernambuco, pronto para buscar os imunizantes produzidos pelo laboratório indiano Serum foi então direcionado para o carregamento de cilindros de oxigênio para serem transportados a Manaus.

A vacinação no Brasil deve começar nesta tarde em todos os Estados brasileiros, mas apenas com doses da Coronavac, distribuídas pelo Ministério da Saúde após contrato firmado com o Instituto Butantan.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Decreto de Bolsonaro obriga postos de combustíveis a divulgar valores de tributos

A obrigação passar a valer em 30 dias, conforme o ato, que está publicado o Diário Oficial da União (DOU) Por Luci Ribeiro (AE) Pressionado pelos caminhoneiros...

Bolsonaro diz que há muita coisa errada na “Petrobras”

O novo presidente vai dar uma arrumada lá. Bolsonaro afirmou não ter "medo" de fazer mudanças e assegurou que novas trocas poderiam ocorrer nesta...

Bolsonaro anuncia que sancionará autonomia do BC na quarta-feira, dia 24

A proposta foi aprovada no Congresso Nacional e pode ser sancionada pelo chefe do Executivo até o dia 4 de março. Ele poderá vetar...

Julgamento sobre depoimento de Bolsonaro está na pauta da semana no STF

O caso foi pautado depois que o ministro Alexandre de Moraes pediu "urgência' na análise pelo colegiado Por Rayssa Motta (AE) O plenário do Supremo Tribunal...

Lula: com direitos políticos, posso ser candidato para derrotar o bolsonarismo

O Supremo Tribunal Federal (STF) declare a suspeição do ex-juiz Sérgio Moro e devolva seus direitos políticos Por Redação (AE) Condenado na Operação Lava Jato, o...

Variantes da covid-19: Índia determina testes obrigatórios a viajantes

Medida visa conter o avanço do contágio pelas variantes detectadas em três países: Reino Unido, África do Sul e Brasil. Saiba mais!

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Voluntariado no exterior para jovens universitários; Saiba mais!

Organização IYF abre inscrições de voluntariado no exterior para jovens universitários A Organização International Youth Fellowship- IYF(comunhão internacional de jovens), é uma organização com base...

Franklin Graham no Brasil para o “Esperança Rio 2021”

Lançamento do "Esperança Rio 2021" será em Maio e em dezembro a ação evangelística, que terá participação do evangelista Franklin Graham. Saiba mais!

Deive Leonardo ministra em São Paulo fim de semana

O evangelista Deive Leonardo retorna com suas apresentações na capital Paulista nesta sexta-feira, 19 e neste sábado, em Barueri (SP). Saiba mais!

Começou a 23ª edição da Consciência Cristã; Saiba mais!

Consciência Cristã inicia hoje e reúne evangélicos para debater educação, fé, ciência e justiça social. Saiba mais!
- Publicidade -

Plugue-se

Deive Leonardo grava primeira série do ano em Florianópolis

Com o tema "Alvorecer", a primeira série gravada de Deive Leonardo promete levar a esperança de um recomeço e de um novo dia. Evento acontece no próximo sábado, 27. Saiba mais!

Cantora Amanda Wanessa sai da UTI

Pelas redes sociais, o marido da cantora, Dobson Santos contou que Amanda Wanessa foi transferida para o quarto: “o milagre está cada vez mais perto”, declarou. Saiba mais!

Deive Leonardo vai se apresentar em Brasília e Goiânia

O evangelista se apresenta na próxima terça-feira, 16, em Brasília e em Goiânia, prometendo trazer importantes reflexões para o público. Saiba mais!

André Valadão: Humor para explicar temas polêmicos da Bíblia

Conhecido por sua forma extrovertida de ministrar, o cantor e pastor André Valadão tem usado sua conta no instagram para tirar dúvidas de internautas sobre temas polêmicos