23 C
Vitória
sábado, 31 outubro 2020

Bolsonaro em discurso na ONU: ‘País é cristão e conservador’

Leia também

Anvisa informa que não recebeu pedido de registro formal para vacina russa

Quando a Anvisa revisa todos os documentos técnicos e regulatórios e verifica os dados de segurança e eficácia

STF começa a julgar pedido do PDT para afastar Guedes

"A amplitude do objeto da arguição de descumprimento de preceito fundamental não significa admitir seja qualquer ato", registrou Marco Aurélio

Indicador de incerteza na economia cai para 143,8 pontos em outubro, diz FGV

O componente de Mídia recuou 4,0 pontos, para 126,0 pontos, contribuindo negativamente em 3,5 pontos para a queda do indicador geral no mês

Cristofobia, covid-19 e queimadas foram os temas retratados durante o discurso do presidente Jair Bolsonaro na ONU

Por Emilly Behnke e Elizabeth Lopes (AE) e Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta terça-feira, 22, em discurso gravado e exibido na Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas, que a “paz não pode estar dissociada da segurança”.

O chefe do Executivo reafirmou o compromisso brasileiro com os ideias da ONU, em especial a preservação dos direitos humanos. “Como um membro fundador da ONU, o Brasil está comprometido com os princípios basilares da Carta das Nações Unidas: paz e segurança internacional, cooperação entre as nações, respeito aos direitos humanos e às liberdades fundamentais de todos”, afirmou.

Para Bolsonaro, a liberdade é o “maior bem da humanidade” e o terrorismo deve ser repudiado. “A cooperação entre os povos não pode estar dissociada da liberdade. O Brasil tem os princípios da paz, cooperação e prevalência dos direitos humanos inscritos em sua própria Constituição, e tradicionalmente contribui, na prática, para a consecução desses objetivos”.

Reforçando a pauta conservadora do seu governo, Bolsonaro afirmou, no final do pronunciamento, que “o Brasil é um país cristão e conservador e tem na família sua base”, além de fazer um apelo em defesa da religião cristã. “Faço um apelo a toda a comunidade internacional pela liberdade religiosa e pelo combate à cristofobia”, disse.

Covid-19

Bolsonaro também lamentou as mortes por covid-19 e reafirmou o alerta de que o vírus e as questões econômicas “deveriam ser tratados simultaneamente e com a mesma responsabilidade”.

Listou as medidas econômicas implementadas pelo governo federal e disse que, sob o lema “fique em casa” e “a economia a gente vê depois”, os veículos de comunicação brasileiros “quase trouxeram o caos social ao país”. “Como aconteceu em grande parte do mundo, parcela da imprensa brasileira também politizou o vírus, disseminando o pânico entre a população”, opinou.

Oriente Médio

Bolsonaro afirmou que vê um momento propício a “abertura de novos horizontes, muito mais otimistas para o futuro do Oriente Médio”. “Os acordos de paz entre Israel e os Emirados Árabes Unidos, e entre Israel e o Bahrein, três países amigos do Brasil, com os quais ampliamos imensamente nossas relações durante o meu governo, constitui excelente notícia”, declarou.

Como já fez antes, o mandatário elogiou o “Plano de Paz e Prosperidade” lançado pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Segundo Bolsonaro, o plano tem “uma visão promissora para, após mais de sete décadas de esforços, retomar o caminho da tão desejada solução do conflito israelense-palestino”.

“A nova política do Brasil de aproximação simultânea a Israel e aos países árabes converge com essas iniciativas, que finalmente acendem uma luz de esperança para aquela região”, acrescentou.

O presidente destacou ainda a atuação humanitária brasileira na Operação Acolhida, que recebe venezuelanos na fronteira com o Brasil em Roraima, e prestou solidariedade ao povo libanês. “Também quero reafirmar minha solidariedade e apoio ao povo do Líbano pelas recentes adversidades sofridas”.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Rede de apoio espiritual para vestibulandos

Iniciativa é do Congresso de Jovens Universitários para ajudar vestibulandos em oração e apoio. Integre-se a rede! Saiba mais!

Conheça “Vem descansar”, de Central 3

Canção é a primeira do novo EP da Central 3

Culto vai celebrar os 48 anos do Hospital Evangélico

Por conta da pandemia, culto de ação de graças será em formato drive-in, em Vila Velha (ES). 

Por “defender a verdade” bispo é punido, mas renuncia

Ao ser punido pela direção da igreja Episcopal em Nova York, nos EUA por defender o casamento entre homem e mulher, bispo é punido por "violar a disciplina da igreja"

Larissa e Isabela e Mariana Valadão cantam o amor

Baseada no amor cristão, música é o quarto lançamento de Larissa e Isabela pela Sony

Bolsonaro recebe Crivella para gravar vídeo de apoio

A assessoria do prefeito informou que Crivella ouviu conselhos do presidente e os dois gravaram programa oficial para a campanha eleitoral

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Culto vai celebrar os 48 anos do Hospital Evangélico

Por conta da pandemia, culto de ação de graças será em formato drive-in, em Vila Velha (ES). 

Semana dos manuscritos do Mar Morto; Saiba mais!

Arqueólogos e especialistas vão apresentar um dos mais impactantes achados da humanidade, na semana dos manuscritos do Mar Morto. Evento, que começa nesta segunda,19, é gratuito!

Live Solidária “Um Com Eles” em Libras

A live solidária, realizada pela Portas Abertas, será transmitida pelo Facebook, e estará acessível a todos que entendem a língua brasileira de sinais. Saiba mais!

Desafio Superação em corrida virtual; É neste domingo, 18

Em alusão ao Outubro Rosa, o Desafio Superação vai mobilizar mulheres cristãs de todo o Brasil em prol da saúde. Saiba mais!
- Publicidade -

Plugue-se

Larissa e Isabela e Mariana Valadão cantam o amor

Baseada no amor cristão, música é o quarto lançamento de Larissa e Isabela pela Sony

Nova fase da Academia da Bíblia SBB

Com novos cursos, o projeto de capacitação bíblica da SBB deseja auxiliar o cristão no estudo aprofundado da Palavra de Deus. Saiba mais!

Quando Deus é a fonte do equilíbrio em campo e da força emocional

Sucesso na Liga dos Campeões da Europa, o goleiro Keylor Navas, 33 anos, dirige estudos bíblicos com um grupo de 10 pessoas em Paris.

Clovis Pinho, o que vem por aí?

Novo single de Clovis Pinho deve chegar ao mercado em novembro. Saiba mais!