Bebê nasce por milagre e recebe alta

Foto: Reprodução Web

Bebê que nasceu por milagre recebe alta e família de materna a leva para casa

A jovem, que estava grávida, foi arremessada para fora do caminhão durante acidente e morreu após ter o abdômen rompido, o que obrigou o bebê a nascer involuntariamente. Segundo médicos, o corpo da mãe acolheu a menina nos primeiros minutos de vida, o que foi fundamental para que ela conseguisse sobreviver.

“O feto foi expulso pelo trauma [quando as tábuas caíram sobre a mulher]. Quando eu cheguei, o bebê estava entrelaçado nos restos mortais. Eu retirei aquela criança, fiz os procedimentos cabíveis e levei para a ambulância”, contou o médico socorrista Elton Barbosa.

A menina nasceu com 3,12 kg e 46 centímetros, ainda segundo o hospital. Apesar de saudável, permaneceu internada por cinco dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal do Hospital Regional, como precaução por conta do trauma do parto. Os médicos chegaram a batizá-la de ‘Giovana’.

O acidente

O acidente aconteceu na última quinta-feira (26) na Rodovia Régis Bittecourt (BR-116), em Cajati, na região do Vale do Ribeira, interior de São Paulo. A mulher, que estava sem documentos, foi identificada por familiares como Ingrid Irene Ribeiro, então com 20 anos.

As tábuas de madeira transportadas pelo caminhão caíram em cima da mulher, que teve o abdômen rompido. As equipes de emergência encontraram o bebê em meio aos destroços e o socorreram até o Hospital Regional, na cidade vizinha, Pariquera-Açu.

Por meio de nota oficial, a direção do Hospital Doutor Leopoldo Bevilacqua informou que a menina apresenta boas condições de saúde e, por isso, recebeu alta da unidade de cuidados médicos intermediários. “Ela irá para casa com sua família”, afirmou a instituição. Ela foi entregue à avó materna, mãe de Ingrid, e será levada ao Paraná.

Com informações do Portal G1*