23.8 C
Vitória
segunda-feira, 6 dezembro 2021

Atributos que levam uma mulher cristã ser chamada de elegante

No caso da mulher cristã, parte dessa elegância vêm da beleza e da nobreza do caminho de fé escolhido

Por Geila Salomão

Há quem diga que toda mulher é naturalmente elegante. A elegância é uma característica nobre, que valoriza o caráter e a personalidade, imprescindível para mulher cristã, que segue os princípios da fé.

Os atributos que levam uma mulher cristã ser chamada de elegante não tem nada a ver com  condição social ou econômica, mas sim com os seus valores, atitudes e comportamentos sensatos, modestos e que agradam a Deus.

Quer saber mais sobre como se comporta uma mulher cristã e elegante? Veja essas dicas para você que deseja aliar os princípios cristãos a esta mulher que desperta admiração por onde passa.

Ama a si mesma

Sabe relaxar, escutar o silêncio e admira as nuvens. Se ama e é feliz com pensamento simples e verdadeiro. Quando está tranquila e relaxada, emana felicidade para todos ao seu redor, o restante é apenas uma consequência. Enche o mundo com a sua energia de amor.

Se veste bem

Elegância também diz respeito a vestimenta. A mulher elegante combina informação de moda e estilo, cheios de personalidade e que relata quem você é por meio das roupas. É inegável que a mulher cristã possui um estilo de vida relativamente diferente, pois concilia a força, independência e modernidade com os princípios da modéstia evangélica e do amor. A mulher evangélica gosta de moda? Claro que sim! Inclusive, a moda evangélica segue os mesmos princípios universais do cenário e das tendências do mundo fashion.

Foto: Renata Carvalho | Divulgação

Renata Carvalho, responsável pela marca capixaba Carvalho Bambu relata que o público-alvo dela são mulheres elegantes e evangélicas com idade entre 25 e 50 anos. A marca tem como prioridade seguir os princípios bíblicos, na hora de produzir procura criar peças que favorece a mulher elegante, são peças mais recatadas, sem a necessidade de estar colada no corpo, curta ou transparente. Todas as peças são criadas para para enaltecer a feminilidade e elegância e não para a sexualidade. A moda evangélica prima muito pela feminilidade, a parte romântica e singela da mulher são pontos fortes. A elegância, pudor e a modéstia é essencial.

 

Consciente

Uma mulher elegante tem consciência de si mesma sempre, é um estilo de vida. Estar consciente do olhar tranquilo é uma forma de vida que deve se tornar um hábito, porque relaxa e traz uma elegância natural à mulher.

Naturalidade

A mulher elegante é natural em todas as situações, não acredita que salto alto é imprescindível, que a roupa clássica é garantia de sucesso, e que usar cabelo solto é de mau gosto.

Admirada

Uma mulher elegante jamais passa despercebida e, por isso, ela sabe receber elogios e olhares. Ela chama atenção de forma positiva, e não se sente incômoda quando elogiada, quer por uma ação ou uma roupa, simplesmente agradece e sabe se valorizar.

Não sai do sério

Uma mulher elegante não leva tudo para o lado pessoal e não perde tempo com rancor. É possível usar motivos ruins de um jeito positivo, sem perder forças e energia. Ela sabe priorizar o bem estar emocional.

Não perde tempo com fofoca

Sua autoestima é suficientemente grande para perder tempo com isso. Você não vê uma pessoa elegante falando mal dos outros, ou olhando redes sociais dos outros para falar sobre o fracasso alheio.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se