21.8 C
Vitória
quinta-feira, 9 abril, 2020

Ataques a cristãos crescem na Nigéria

- Continua após a publicidade -

Mais lidas

Justiça destina R$ 2,5 bilhões da corrupção para a saúde

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve julgar, ainda, a aplicação de R$ 51 milhões no combate ao novo coronavírus.

Caixa cadastrou 10 milhões benefícios emergenciais em seis horas

A expectativa do banco e encerrar o dia com 20 milhões de benefícios cadastrados. Confira! 

Antes de reunião com Mandetta, Bolsonaro defende, nas redes, uso de cloroquina

O uso dos medicamentos é uma das divergências entre Bolsonaro e Mandetta. O encontro ocorre dois dias depois da ameaça de demissão do ministro ter sido quase concretizada. Saiba mais!

Israel, Páscoa, o Êxodo e a “praga coronavírus”

"No Livro do Êxodo, lemos que 'os israelitas gemeram em sua escravidão e clamaram, e Deus ouviu seus gemidos", disse o presidente de Israel. Confira!

Nas últimas semanas vemos o crescente aumento de violência contra cristãos na Nigéria. O Boko Haram, braço do Estado Islâmico no norte da África, assumiu dois grandes ataques

Um ataque terrorista aconteceu na noite do dia (24) deste mês, na vila cristã de Kwarangulum. Os extremistas invadiram a vila em caminhões, atirando em moradores, incendiando casas e saqueando alimentos. “Eles mataram sete pessoas e sequestraram uma adolescente no ataque”, disse um cristão local.

Dois dias depois, o mesmo grupo assumiu a morte de 11 cristãos que foi filmada e publicada na noite de Natal. A Comunhão apurou o acontecimento: “Estado Islâmico executa 11 cristãos na Nigéria”.

“A perseguição religiosa está mudando de cara com o passar dos dias. O cristão da Nigéria, já atingido pela perseguição, não tem liberdade para viver, adorar, possuir propriedades, ter cargos no governo, se candidatar a cargos públicos, frequentar escolas e se expressar”, declara Ibrahim, cristão perseguido na Nigéria, que esteve no Brasil em novembro, falando sobre seu testemunho.

Após um ataque do Boko Haram, teve sua casa saqueada e invadida pelo grupo e passou 2 anos em um campo de refugiados, sem poder voltar para sua vila. Ibrahim esteve no Brasil a convite da Portas Abertas, organização que apoia cristãos perseguidos no mundo.

Perseguição Religiosa na Nigéria

O país tem vivenciado um aumento diário de perseguição aos cristãos que vivem em comunidades de maioria muçulmana. O país está no 12º lugar Lista Mundial da Perseguição 2019, que classifica os 50 países que mais perseguem cristãos no mundo.

De 4.305 cristãos mortos no mundo, no ano anterior, 3.731 foram na Nigéria. Além disso, os cristãos vivem em constante pressão e sofrem violência por parte de grupos extremistas islâmicos.

A perseguição de mulheres e meninas tem um efeito negativo nas igrejas e famílias cristãs. Além das consequências emocionais e o custo social da perseguição, em comunidades onde viúvas são as provedoras da família, o bem-estar social e econômico é afetado.

A violência contra os cristãos é provocada, principalmente, pelo grupo islâmico extremista Boko Haram e por pastores de cabras Fulanis, grupo étnico religioso que reclama as terras dos cristãos. Os grupos atacam frequentemente vilas e comunidades, invadindo casas, incendiando lojas de cristãos e igrejas cristãs, matando homens e sequestrando mulheres e meninas.

A Portas Abertas mantém duas campanhas de ajuda à Nigéria. Uma delas engloba três projetos: comida e itens básicos, Bíblias infantis, e cobertores e roupas. Os itens beneficiam famílias e crianças refugiadas, que tiveram suas casas invadidas. Outro projeto é a manutenção do Centro Shalom, para acompanhamento pós-trauma na Nigéria. Para maiores informações: ACESSE.


LEIA MAIS 

Shockwave: dois mil grupos de jovens em oração pela Nigéria 
Maior número de pessoas desaparecidas está na Nigéria 
Assassinatos a cristãos na Nigéria chegam a 800

- Continua após a publicidade -

Revista Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Live: “As perguntas cruciais a serem respondidas na crise”

Um dos 25 melhores CEO’s dos EUA, Craig Groeschel fará nesta quinta-feira (02), às 10h30, uma Live exclusiva para o Brasil com tradução simultânea

Vigília online ‘Há uma Luz’: um clamor contra o covid-19

Para levar paz e esperança à população afetada pela pandemia global da Covid-19, a plataforma cristã, InChurch, organizou a vigília online “Há uma Luz” nesta quarta (1º).

26 de março: live – Como inovar na igreja em tempos de disruptura

Nesta quinta (26), as 19h, vai acontecer a primeira live da série "O efeito da liderança na crise” com Josué Campanhã, diretor da Envisionar e Thiago Faria

Novo Som faz show online

Devido a quarentena por causa do coronavírus, a banda vai estar ao vivo no sábado (28) a partir das 20h. Será transmitido pelo Instagram e Facebook

Receber notícias

Gostaria de receber notícias em primeira mão? Assine gratuitamente agora:

Plugue-se

Inovação! Kemuel lança primeiro single em inglês

Com participação de Amanda Malela, a versão de “O Teu Amor” dá início a um novo momento na carreira do grupo

Lives, podcasts cristãos, aumento do consumo digital

Em tempos de isolamento social hoje é consumo digital. Cantores e pastores brasileiros usam lives e publicam podcasts com conteúdos específicos para seus membros Em...

Conheça as novas artistas da Sony Music

Amanda Loyola, que é capixaba, foi destaque do quadro de Jovens Talentos do Raul Gil e Thais Castro, que é líder do ministério de louvor da igreja Por Amor de São Bernardo do Campo (SP). Agora as duas integram o time Sony Music

Brasileira cria projeto que conecta pacientes isolados

O projeto "Acortando la Distancia", da brasileira Giovanna Angiolillo, 44 anos, que mora em Madri, na Espanha, ajuda pacientes isolados com coronavírus, a conectar com suas famílias