25.4 C
Vitória
quinta-feira, 22 outubro 2020

Judeus comemoram 70 anos do Estado de Israel

Leia também

Tereza Cristina diz ver potencial para crescimento no comércio com países árabes

Em meio à crise decorrente da covid-19, o Brasil demonstrou capacidade de cumprir com seus compromissos internacionais

‘Reconheço mérito, mas correções podem ser feitas’, diz Marques

O desembargador evitou se posicionar se é favorável ou não a uma revisão na prisão após condenação em segunda instância

Ministro da Saúde testa positivo para covid-19

Pazuello já havia tido febre e passado mal no início da semana, deixando, inclusive de participar de cerimônias públicas

As celebrações pelo aniversário de 70 anos do Estado de Israel começaram às 20h de terça-feira (17), após o soar de uma sirene durante um minuto.

Os judeus celebraram nesta quarta-feira (18), os 70 anos de criação do Estado de Israel na Organização das Nações Unidas (ONU). Apesar de a data histórica da fundação ter sido em 14 de maio, a festa segue o calendário judaico. Diferente do calendário gregoriano, é  baseado nos ciclos da Lua.

A comemoração da fundação do Estado de Israel é antecedida pelo Yom Hazikaron, Dia em Memória dos Soldados Caídos de Israel. As celebrações começaram às 20h de terça-feira (17), após o soar de uma sirene durante um minuto. Durante o toque, israelenses ficam de pé, em silêncio, em sinal de respeito aos mortos. A homenagem relembra os soldados que morreram no conflito árabe-israelense, em 1948, e as vítimas de terrorismo.

Estado de Israel

Especialista em histórias e conflitos envolvendo Israel e o Oriente Médio, Rafael Simões explica o papel fundamental de um brasileiro ao reconhecimento de Israel como Estado.

Graduando em Teologia, ele aponta que, por causa da perseguição aos judeus e pelo movimento sionista, havia um clamor mundial que se desse uma pátria a Israel. O argumento era evitar que “o holocausto se repetisse, uma vez que o antissemitismo não era exclusivo dos nazistas”, descreve.

Rafael Simões

“O brasileiro Oswaldo Aranha, presidente da Assembleia Geral da ONU em 1947, tinha o poder de marcar as reuniões e fez a proposta para criação de Israel. Foi ele quem anunciou a aprovação da Resolução 181 que decretava a formalização. Aranha ainda é conhecido como amigo de Israel”, explica.

Os judeus ficaram satisfeitos com a proposta, mas os palestinos não. Em 1948, logo após a declaração de independência de Israel, teve início o conflito. Conhecido pelos judeus como a Guerra da Independência; pelos palestinos como a Catástrofe (Nakba). Isso porque milhares deles tiveram de fugir ou foram expulsos de suas casas. O cessar-fogo foi em 1949.

Apesar dos conflitos que fazem parte da história e do cotidiano da região, Israel conseguiu se estabelecer como uma democracia estável. Hoje tem a economia mais desenvolvida da região, além do PIB de cerca de 318 bilhões de dólares.

 

- Publicidade -

Matérias relacionadas

O “santo” dos crentes

A veneração aos santos da cultura católica, tão criticada pela Igreja evangélica, agora “brota” no meio dos crentes que criam seus “ídolos”, abandonando a...

Netanyahu sobre os cristãos: “campeões da verdade”

Primeiro-ministro participou da 4ª Cúpula Anual da Mídia Cristã em Jerusalém. Saiba mais!

Protesto: Igrejas incendiadas no Chile; Veja vídeo!

Quando a cúpula da pequena igreja da Assunção pegou fogo, após o desabamento da estrutura, vários manifestantes comemoraram. Saiba mais!

Diretor corporativo do Flamengo, Billy Pinheiro, no Conexão de hoje

O tema do programa Conexão Empreendedora de hoje será "Os princípios do Reino de Deus sobre finanças". Saiba mais!

Semana dos manuscritos do Mar Morto; Saiba mais!

Arqueólogos e especialistas vão apresentar um dos mais impactantes achados da humanidade, na semana dos manuscritos do Mar Morto. Evento, que começa nesta segunda,19, é gratuito!

Esquecemos o céu?

Líderes, pastores e pregadores estão silenciando os púlpitos com a mensagem sobre o céu. Por que nas igrejas se fala tão pouco sobre a eternidade? Para onde caminhamos?

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Semana dos manuscritos do Mar Morto; Saiba mais!

Arqueólogos e especialistas vão apresentar um dos mais impactantes achados da humanidade, na semana dos manuscritos do Mar Morto. Evento, que começa nesta segunda,19, é gratuito!

Live Solidária “Um Com Eles” em Libras

A live solidária, realizada pela Portas Abertas, será transmitida pelo Facebook, e estará acessível a todos que entendem a língua brasileira de sinais. Saiba mais!

Desafio Superação em corrida virtual; É neste domingo, 18

Em alusão ao Outubro Rosa, o Desafio Superação vai mobilizar mulheres cristãs de todo o Brasil em prol da saúde. Saiba mais!

Vovô Raul Gil recebe artistas gospel em live; Saiba mais

A live gospel do Vovô Raul Gil será no dia 21 de outubro e vai reunir personalidades e artistas evangélicos. Saiba mais!
- Publicidade -

Plugue-se

“40 Dias – Milagre Da Vida”: impacto e esperança

Pastores e líderes de diversos lugares do país, mobilizaram pessoas de suas igrejas, amigos e familiares para conferirem no cinema a história impactante de Abby Johnson

A fascinante história do menino de rua que virou milionário

A superação de um jovem australiano de 22 anos que virou milionário, busca inspirar outras pessoas em situações semelhantes. Conheça essa história fantástica!

Rayssa Peres em “Somos mulheres de Deus”

Música é uma homenagem às mulheres. Conheça a canção!

Deive Leonardo de volta as pregações presenciais

Fenômeno da internet, Deive Leonardo grava a primeira série presencial em Itajaí (SC) depois de um bom tempo sem gravar por conta da pandemia.