18 C
Vitória
segunda-feira, 13 julho, 2020

Adultos emergentes e a Igreja

Mais lidas

Verstappen crava melhor tempo dos treinos livres do GP da Estíria

Neste domingo, a largada será às 10h10. Saiba mais!

Capixaba Natália Gaudio defende maior longevidade para atletas brasileiras

Após estar na Rio 2016, atleta quer Tóquio e não descarta Paris. Saiba mais!

Casaquistão desmente afirmações chinesas sobre novo vírus mortal

Embaixada chinesa na capital do país advertiu sobre nova doença com "índice de mortalidade superior à Covid-19"

ONU diz que pandemia pode elevar pobreza na América Latina

Em documento, ONU destaca fragilidade do sistema de saúde da América Latina

Os adultos emergentes estão deixando sua fé para trás?

A vida adulta emergente é marcada por transições como casamento e filhos, carreiras estabelecidas e possuir um lar. Este estágio da vida abrange pessoas com idades entre 18 e 29 anos ou mais.

Os adultos emergentes estão deixando sua fé para trás? Há ampla evidência para sugerir que muitos deles estão questionando as crenças e as práticas religiosas de sua criação cristã, enquanto outros ainda estão deixando a igreja por completo.

De acordo com o estudo Pew Religious Landscape publicado em 2015, os jovens adultos emergentes, identificam-se com uma taxa de 36% comparado a apenas 25% em 2007. No mês passado, a LifeWay Research relatou que “dois terços (66%) de jovens adultos americanos que frequentaram uma igreja evangélica regularmente por pelo menos um ano quando adolescentes dizem que também abandonaram a escola por pelo menos um ano entre as idades de 18 e 22 anos.”

Enquanto muitos retornam, Kara Powell, do Growing Young, estimou a perda de longo prazo em cerca de 50% dos que partiram inicialmente. As tentativas de explicar este êxodo variam e incluem descritores da espiritualidade adulta emergente como “ Espiritual por não religioso ” para caracterizar aqueles que ainda valorizam a espiritualidade, mas rejeitaram organizações religiosas ou doutrinas como formas de perseguir seus interesses espirituais.

Virando-se para o outro lado, há evidências de que os jovens não estão abandonando a igreja e sua fé em massa. Em uma pesquisa recente conduzida pelo Instituto Billy Graham em parceria com a LifeWay Research, exploramos a vida espiritual e as questões das pessoas sem igreja nos Estados Unidos.

Quando analisamos especificamente a geração do milênio, nesta idade descobrimos que as pessoas nessa geração geracional expressaram atitudes mais abertas e receptivas em relação à fé cristã e ao envolvimento congregacional do que as pessoas sem igreja de qualquer outra geração geracional.

Entre os sem igreja, 39% esperam frequentar a igreja regularmente no futuro. Além disso, adultos emergentes sem igreja mantêm opiniões positivas sobre o cristianismo. Pelo menos um terço acredita que a fé cristã é boa para a sociedade, comparada a menos de 10% que é prejudicial e são receptivos a convites para igreja ou eventos patrocinados pela igreja de amigos e membros da família.

Em essência, os adultos emergentes continuam mais receptivos à fé cristã do que imaginamos, especialmente quando comparados a outras pessoas sem igreja. Esses dados sugerem que a narrativa de rejeição e declínio é exagerada e que a vida espiritual dos adultos emergentes é mais complexa do que comumente se acredita.

Enquanto muitos pararam de frequentar a igreja, fatores como a instabilidade desse período da vida como terminar o ensino médio, sair de casa, entrar no mercado de trabalho, contribuem para essa ausência, em vez de simplesmente rejeitar a igreja ou a fé cristã.

Pesquisa

Segundo a pesquisa do Instituto Billy Graham, os afro-americanos adultos emergentes e hispânicos americanos são muito mais receptivos à fé e congregações cristãs do que brancos e asiáticos. Generalizar sobre os padrões de todos os adultos emergentes pode ser muito enganador.

Meu ponto em destacar o negativo, o positivo e o problemático nos estudos emergentes de adultos é chamar a atenção para a complexidade da questão, bem como para as fronteiras do conhecimento que precisam ser exploradas.

No momento, os adultos emergentes representam um grupo etário substancial, mas mal compreendido, para a igreja. As vidas espirituais e as questões dos adultos emergentes exigem reflexão não apenas sobre amplas generalizações, mas também sobre a profunda diversidade que caracteriza a religião adulta emergente.

As igrejas precisam responder à realidade que existe e não às predições e generalizações frequentemente pessimistas que caracterizam nossa conversa no momento. Eles exigem um estudo aprofundado e colaboração entre disciplina e experiência ministerial.

*Extraído de Christianity Today- Rick Richardson


Leia mais

A igreja flutuante
O raio x da Igreja brasileira
Fé sem templo: o que afasta os cristãos das igrejas?

- Continua após a publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Amigos e artistas “Juntos pelo sertão” drive-in

Evento, que será realizado no dia 14 de julho, vai reunir artistas e preletores como Aline Barros, Isaías Saad, Gabriel Guedes, Juliano Son, Eli Soares, Hernandes Dias Lopes e outros.

Show drive-in do 3 Palavrinhas esse mês; Saiba mais!

O grupo infantil 3 palavrinhas vai se apresentar na Arena Sessions, no estádio Allianz Parque, em São Paulo dia 19 de julho Atenção criançada! O...

Artistas cristãos na ação social “Eu Soul VC”

Entre os artistas cristãos confirmados estão Casa Worship, Renascer Praise, André e Felipe, Rebeca Carvalho e Leandro Borges

The send Argentina é adiado para 2021

Em comunicado, os organizadores do The Send disseram que a data exata será definida assim que o governo tiver o poder de reativar eventos maciços

Plugue-se

Igreja Adventista lança plataforma de podcasts

Com mais de mil episódios disponíveis, o 7Cast tem foco claro: compartilhar esperança em áudio A Igreja Adventista lançou no início de julho o "7Cast"....

Seguir os ensinos de Deus é a melhor escolha

“Se Não Fosse o Seu Amor” é o livro de estreia da empresária Larissa Pessoa, um romance que mostra que seguir os ensinos de Deus é a melhor escolha

Generosidade: O padeiro doador de pão e de fé

O dono de uma padaria no interior de São Paulo decidiu transformar a crise provocada pela pandemia de Covid-19 em uma oportunidade de ajudar quem precisa.

Fórum de Ciências bíblicas 2020: A Bíblia e a Criança

O Fórum de Ciências Bíblicas 2020, que terá temática para as crianças, será realizado nos dias 13 e 14 de agosto