back to top
25.9 C
Vitória
quinta-feira, 20 junho 2024

A Adoração Como Estilo de Vida

Por Carlos Nejar

Não importa viver em extensão, importa viver na intensidade. E diz o Salmo 155:6: “Tudo o que tem fôlego, louve ao Senhor. Aleluia!” Ou o que respira, ou vive ou sonha. Somos sonhos de Deus, desde o ventre de nossa mãe. Ele falava conosco, sem que O conhecêssemos.

Levamos no vagar nossa imperfeição, mas buscamos O que é Perfeito. As marés do tempo vão e vêm, mas Deus é definitivo. E adorá-Lo é nossa respiração. Porque, leitores, viemos da argila. O que nos singulariza não é o barro, é o sopro. E quando O adoramos e glorificamos, voltamos ao sopro de onde viemos. Na criação, Deus soprou sobre a argila e criou o homem. E esse sopro não é apenas biológico, é redentor.

Assim, na medida, no estilo, na descoberta da existência em adoração e louvor ao Altíssimo, com alegria está o sentido do destino: agora e na Eternidade. “Eu sou o Alfa e Ômega, diz o Senhor Deus, aquele que é, que era e há de vir, o Todo-Poderoso”, afirma o Apocalipse, 1:8. Ou o princípio e o fim, segundo outra tradução. E sendo “Jesus, o caminho”, andamos na Revelação do Espírito, com a palavra, andamos em círculo, sem princípio ou término, andamos em Jesus, cumprindo a coroa da vida, para tomarmos posse dela, um dia. Na adoração, “antes que se rompa o fio de prata (a redenção) e se despedace o copo de ouro (o poder de Deus no meio do povo) e se quebre o cântaro (a vida do homem) na fonte (Cristo, “fonte selada”) e se desfaça a roda (tempo do Espírito) junto ao poço de águas vivas, virá o arrebatamento da Igreja fiel (o texto é do Eclesiastes , 12:6).

- Continua após a publicidade -

E ao adorarmos em Espírito e Verdade, tornamos à boca de Deus que fez o céu, a terra e a construção das estrelas.

@Carlos Nejar, pastor da Igreja Cristã Maranata, escritor da Academia Brasileira de Letras, presidente Emérito da Academia Brasileira de Filosofia.

Mais Artigos

- Publicidade -

Comunhão Digital

Continua após a publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

Entrevistas