Eleições – Começa oficialmente a Votação no Brasil

EMEF Leonel de Moura Brizola, bairro das Laranjeiras, Serra, ES. Foto: Next

Brasileiros fazem fila em todo o país. Ao todo são 147,3 milhões de eleitores distribuídos em 5.570 municípios.

As seções eleitorais foram abertas às 8h deste domingo, (7), em todo o País, com exceção daquelas nos Estados com diferente fuso horário, como Amazonas e do Acre. O Brasil tem 147,3 milhões de eleitores aptos a votar, aponta o site oficial do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), distribuídos em 5.570 municípios.

O estado de São Paulo é o maior colégio eleitoral do País, com 33,04 milhões de eleitores. O segundo lugar é ocupado por Minas Gerais, com 15,70 milhões, seguido por Rio de Janeiro, com 12,40 milhões.

Votação

O candidato à presidência, Jair Bolsonaro (PSL) votou as 9h, na Escola Vila Militar, no Rio. No Espírito Santo, vários candidatos que disputam o governo, o senado e e câmara já votaram.

O presidente Michel Temer votou no início desta manhã no colégio Santa Cruz, na zona oeste da capital paulista

O presidente Michel Temer votou no início desta manhã no colégio Santa Cruz, na zona oeste da capital paulista.

Após depositar seu voto na urna eletrônica, Temer disse à imprensa que está “otimista” com o exercício democrático.

“Tenho absoluta convicção de que teremos eleições tranquilas em todo o país. Não vamos ter problema nenhum”, afirmou à agência Brasil.

O governador do ES, Paulo Hartung votou às 8h36 deste domingo (07), em Jardim da Penha, Vitória. Ele estava acompanhado da esposa, Cristina Gomes. Após votar, Hartung atendeu a imprensa e ressaltou a importância de fortalecer as instituições democráticas.

Ele lamentou a falta de propostas claras dos candidatos à presidência, reafirmou que o País precisar passar por reformas estruturantes para recuperar o crescimento e afirmou ainda que trabalha para entregar o Estado com as contas organizadas e recursos em caixa.

“Eu acredito na democracia e vai nos ajudar a encontrar os caminhos para tirar o Brasil dessa situação. Afinal, o país precisa ser reformulado”, declarou.

Já a população está fazendo a parte delas indo às urnas. Eleitor capixaba, seu Jaime Pereira, 62 anos foi votar acreditando na mudança.

“Estou otimista como sempre estive. Enquanto cidadão, fazemos o nosso papel, mas o brasileiro ainda não aprendeu a votar. Eles querem o continuismo. É muito fácil ludibriar a cabeça das pessoas, pois são sempre os mesmos que ganham. Acredito na mudança se os candidatos certos vencerem. Se houver mudança acho que pode melhorar um pouco, mas se continuar os mesmos pode piorar”, disse.


Leia mais

O que pode e o que não pode no dia da eleição
Igrejas do Alagoas cancelam cultos nas eleições
Eleições – Quem pode e quem não pode votar
Tropas federais vão atuar nas Eleições
Ministra Rosa Weber atesta segurança da urna eletrônica

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!