De volta à igreja por influência do filho

Foto: Denisson Di Berardino

Criado na igreja, Wiverson Nunes se afastou dos caminhos de Deus ainda adolescente. A mãe orou pela volta dele por 18 anos e o filho deu testemunho do amor de Deus em sua vida.

Wiverson foi criado nos princípios cristãos. Mas se afastou de Deus ainda na adolescência. Passou boa parte de sua vida com a sensação de que faltava algo. A mãe, Clarisse Nunes, passou 18 anos orando pela vida dele. Sempre na esperança de que o filho voltaria para o Senhor. E ela levava o neto, Williams de 10 anos, para a igreja.

O garoto aprendia as lições na igreja e repassava para os pais em casa. “Mesmo estando afastado dos caminhos de Deus eu sabia que Ele não tinha se afastado e nem desistido de mim. E, muitas vezes, utilizou a minha família para estar sempre presente me aconselhando. Em todo tempo eu me senti acolhido. Com isso, comecei a perceber que eu também precisava dar um bom exemplo para o meu filho. Até então, ele, uma criança de 10 anos, ensinava para mim e para minha esposa a importância dos valores cristãos. E foi através desse testemunho que a nossa família pôde ser transformada”, conta Wiverson.

Mudança

Wiverson começou uma nova história. A mudança começou primeiro com a esposa, que tomou a decisão de se batizar. “Quando minha esposa falou que ia se batizar eu fiquei assustado. Toda hora eu pensava: ‘Nossa, se Jesus voltar hoje, minha família vai subir e eu não’. Eu via minha família indo para igreja e não queria ficar pra trás. Com o nascimento do meu filho mais novo eu percebi que minha esposa e meu outro filho estavam cada vez mais envolvidos na igreja”, relembra.

Ele e sua família participaram de um acampamento. E foi um divisor de águas. E depois o batismo. “Eu senti o Espírito Santo de Deus falando comigo. Vi que eu não tinha para onde ir, a não ser, para os braços de Jesus”, disse.


Leia mais

Testemunho de jovem leva 150 adolescentes à conversão

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!