Ministério “Dare 2 Share” deverá impactar 50 mil jovens

O compromisso de Greg de avivar a Igreja para mobilizar a juventude está enraizado no poder transformador do Evangelho

Greg Stier pretende capacitar e envolver 50 mil adolescentes para compartilhar o Evangelho a mais de 300 mil pessoas.

O pastor Greg Stier é conhecido por trabalhar com ministérios de jovens e também por ajudá-los a alcançar os adolescentes de forma única e eficaz. Ele tem 25 anos de ministério e por isso pode falar com propriedade e autoridade sobre questões de adolescentes e espiritualidade. O líder já pregou o Evangelho para mais de 1 milhão de moças e rapazes em grandes locais dos Estados Unidos, além de já ter ouvido inúmeras histórias de lutas e vitórias.

O compromisso de Greg de avivar a Igreja para mobilizar a juventude está enraizado no poder transformador do Evangelho. Criado em uma família de construtores, no centro da cidade, ele não teve um pai presente. Mas, de um por um, ele viu sua família conhecer Cristo, e isso provocou uma paixão para ver todas as pessoas perdidas conhecer Jesus.

Em entrevista para o site Hello Christian, Greg falou sobre uma nova estratégia que irá desenvolver com seu ministério, o Dare 2 Share (Desafio de Compartilhar, em tradução livre), que deverá acontecer em setembro e irá capacitar e envolver 50 mil adolescentes e líderes de jovens em 50 locais dos EUA para compartilhar Cristo com mais de 300 mil pessoas.

Adolescentes

Questionado porque seu trabalho tem um foco específico em adolescentes, Greg responde: “Bem, existem vários motivos, mas um deles é porque os adolescentes se rendem a Cristo mais rápido e espalham o Evangelho mais rápido e mais longe que os adultos. Sinto que quando os estudantes se apoderaram do Evangelho como um relacionamento com Deus, eles realmente se tornam o Evangelho, o que significa ser uma boa nova”.

O pastor continua explicando: “Eles espalham Cristo e não apenas uma vez. Eles compartilham a salvação através de suas redes sociais, na escola, eles querem contar aos seus amigos sobre as boas novas de Cristo. Uma vez que você encontra Jesus, você quer levar isso aos outros. É por isso que vale a pena viver. O Evangelho é a causa final disso”, respondeu.

Evangelho

Então, o pastor é questionado sobre como o Evangelho o afetou em sua adolescência. “Eu era um filho órfão no centro da cidade. Minha família era muito violenta. A máfia em nossa cidade era conhecida como os Crazy Brothers. Eu era um menino assustado e urbanizado que nunca conheceu o pai e estava pensando porque eu estava aqui. O Pregador dos subúrbios chegou a toda a minha família com o Evangelho, nos levou para a igreja e eles tinham um ministério juvenil próspero. Eles só tinham 300 adultos na igreja”, disse.

“Se você quer ganhar uma cidade para Deus, a melhor maneira é mobilizar os jovens. Eu vi como isso transformou a minha família. Quando minha família veio a Cristo, a taxa de criminalidade caiu em nossa cidade, porque minha família fazia parte do problema do crime. Eu assisti tudo isso quando criança e vi minha família se transformar”, finalizou.