Jessyca: voz doce e suave que propaga a grandeza de Deus

A cantora Jessyca, talento da Line Records, esbanja simpatia e espontaneidade. Estreando na gravadora com o CD “Deus é +”, Jessyca se destaca pela forma moderna de retratar a palavra de Deus, priorizando os estilos pop e black music. Em entrevista, a cantora relembra o início de seu ministério, compartilha preferências pessoais e adianta projetos para o futuro.

Como conheceu a palavra de Deus?
Fui nascida e criada no Evangelho, meu avô é pastor.

E o interesse pela música, quando começou?
Desde pequena eu sempre cantei nos conjuntos da igreja, montei um grupo de quatro meninas e começamos a cantar em várias igrejas. Com isso, fui perdendo a vergonha. Logo depois o grupo acabou e Deus me abençoou, abrindo uma porta para eu lançar o meu CD.

Como foi o início de seu ministério musical? Você encontrou muitas dificuldades?
Foi bastante trabalhoso. Encontrei bastante dificuldade, principalmente na hora da elaboração do trabalho, mas Deus é fiel.

Como consegue conciliar o ministério com a carreira militar?
É bem difícil, mas Deus ajuda e dá tudo certo. Por enquanto, minha agenda só fica aberta de sexta a domingo, com algumas exceções, aí dá tranquilo.

E nas horas vagas, o que você gosta de fazer?
Gosto de ouvir música, dançar na presença do Senhor e curto muito praia também.

Por que decidiu focar seu trabalho na evangelização do público jovem?
O primeiro trabalho é que foi focado, pois cantar foi o meio que Deus me deu para abençoá-los. Na época meu primo estava fora do caminho do Senhor e eu estava muito triste com isso, a partir daí comecei a parar pra refletir que como ele tinham muitos outros, então pedi a Deus um meio de alertá-los, com isso nasceu “Deus é Mais”.

Quais são suas influências musicais?
Sou bem eclética, mas gosto de Point Of Grace, Aline Barros, Nathalie Grant…

Como foi assinar com a Line Records a distribuição do álbum “Deus é +”?
Foi show de bola, pois foi um meio de alcançar outro público e falar para jovens de outras denominações.

O que este trabalho traz de especial?
A distribuição com a Line trouxe uma música nova, chamada “Deus é Tudo pra Mim”.

Como foi a produção deste CD? Você se preparou espiritualmente para este lançamento?
Com certeza! Oramos muito a Deus e Ele me direcionou em todos os momentos. Na época eu estava também em outra vertente militar (EFOM) e saí para dedicar-me exclusivamente ao CD. Oramos e Deus levantou muitos parceiros, amigos que nos ajudaram na elaboração do trabalho.

Qual a mensagem que pretende passar através deste álbum?
Que Deus é muito mais do que qualquer coisa que este mundo possa oferecer.

E seus planos para o futuro, poderia adiantar algum?
Estou trabalhando em prol de dois álbuns. Um de carreira que virá mais amadurecido e outro infantil.

Compartilhe

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!