Igrejas da Europa apostam no celular para receber ofertas

Foto ilustrativa

Sistema de pagamento por celular ou leitores de cartões portáteis está sendo implantado em 16 mil templos na Europa.

Países como Holanda e Suécia já tomam providências para aposentar de vez cédulas e moedas. Até mesmo os cartões de crédito devem desaparecer. Eles deverão ser substituídos pelo sistema de pagamento via celular. A forma de pagamento tem se tornado cada vez mais popular no mundo.

Só na Inglaterra, 16 mil igrejas já estão disponibilizando pagamentos desse tipo em seus templos. A iniciativa facilita as transações nos templos com mais segurança. “Isso facilita a vida especialmente dos frequentadores mais jovens, que não carregam mais dinheiro vivo. Estamos fazendo um teste com várias tecnologias para ver quais irão prevalecer”, disse John Preston, Diretor de Mordomia de uma das igrejas da Inglaterra.

Convênios

O sistema de pagamento é feito através de um convênio com as empresas SumUp e a iZettle. Elas instalam leitores para pagamento sem dinheiro, que será recebido por meio de aplicativos Apple Pay e o Google Pay.

Bitcoin

O uso da tecnologia nos templos religiosos tem crescido gradualmente. Em alguns países da Europa, várias igrejas já usam o sistema de criptomoedas como o bitcoin para receber dízimos e ofertas de seus membros. A Igreja da Inglaterra também aceita, mas em regime experimental ainda.

A moeda virtual, como é chamada, tem se tornado cada vez mais popular. A Igreja Anglicana de St Martin, em Londres foi a primeira a aceitar doações em moeda digital. Começou em 2014. Apesar de ser novidade para muitas igrejas, o Bitcoin é uma tendência mundial.

Com informações de Christian Today


Leia também

Tecnologia no Dízimo – Igrejas da Europa já aceitam “Bitcoin”

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!